Fator de Correção

Top PDF Fator de Correção:

O fator de correção de viés como estimador da vazão de equilíbrio de um reservatório eve jnbcampos o

O fator de correção de viés como estimador da vazão de equilíbrio de um reservatório eve jnbcampos o

Objetivando tornar justo este estimador, foi proposto por Studart (2000) um fator de correção do viés ( χ). Este fator de correção transportaria toda a curva, definida pelos valores da vazão regularizada para cada cenário de horizonte de simulação H, para valores muitos próximos da vazão adimensional de equilíbrio, eliminando, por conseguinte, o viés originado ao simular-se o reservatório com V 0 =cheio.

14 Ler mais

Determinação do fator de correção das hortaliças folhosas comercializadas em Brasília.

Determinação do fator de correção das hortaliças folhosas comercializadas em Brasília.

O Brasil tem índices elevados de desperdício de alimentos, fato que afeta a economia e acentua os problemas sociais. O planejamento inadequado do processamento de alimentos, desde a pós-colheita até o consumo, é um dos canais do desperdício. As hortaliças têm sua durabilidade afetada por serem passíveis de sofrer modificações inerentes aos processos de crescimento e de maturação e por passarem por práticas higienizadoras e por serem submetidas a operações de subdivisão e/ou de cocção. Para tentar minimizar as perdas, a determi- nação do Fator de Correção (FC) de hortaliças é essencial, pois, este pode propiciar uma avaliação mais precisa do grau de desperdício e quais os fatores que podem intervir nas perdas. Este trabalho consiste na determinação de FC das seguintes hortaliças folhosas: alface ame- ricana, alface crespa, alface lisa, alface roxa, acelga, almeirão, agrião, chicória, couve manteiga, escarola, espinafre, mostarda, repolho branco, repolho roxo e rúcula. Foram adquiridas unidades de venda (no atacado) de cada hortaliça na Central de Abastecimento (CEASA) de Brasília-DF, de três fornecedores diferentes, em diferentes meses de colheita (abril, maio junho e outubro), perfazendo 36 amostras por hortaliça. Com o objetivo de detectar se existe influência dos meses de colheita sobre os fatores de correção parcial (FC 1) e final (FC 2), empregou-se a análise de variância e o teste de Tuckey para comparação das médias, ao nível de 5% de significância Os resultados apontaram que, para a maioria das hortaliças, não houve influência dos meses de colheita sobre o desperdício, considerando-se que não houve diferença estatística significativa entre os dados. No entanto para a acelga, a escarola e o repolho branco foram detectadas diferenças significativas. Para a acelga, o menor FC (ou seja, o menor desper- dício) ocorreu na entressafra; já para o repolho branco, o menor FC ocorreu na safra. Assim, de modo geral, as perdas avaliadas pelo FC estão mais relacionadas ao manipulador das folhosas e ao estado de conservação das hortaliças do que ao período de safra. Desta forma, para as hortaliças que apresentaram diferenças com relação à época de amostragem, recomenda-se observância quanto ao período de planejamento dos cardápios visando a obtenção do aproveitamento eficiente do produto.
Mostrar mais

6 Ler mais

Fator de correção para indivíduos com capacidade acomodativa baseado no uso do refrator automático.

Fator de correção para indivíduos com capacidade acomodativa baseado no uso do refrator automático.

Seria interessante a existência de um fator de correção para ser aplicado em refratometrias dinâmicas, de modo a dispensar o uso de drogas cicloplégicas. Desta forma, poderia haver maior conforto para o paciente, rapidez nas consultas e adequada prescrição de lentes corretivas.

4 Ler mais

Peso corporal e estado hídrico de triatletas no Ironman Brasil: Um fator de correção.

Peso corporal e estado hídrico de triatletas no Ironman Brasil: Um fator de correção.

Hipotetisamos que a avaliação do estado hídrico baseada na varia- ção percentual do peso corporal apresentada por triatletas de ironman não reflete a sua real condição hídrica. Desta forma o objetivo do estu- do é avaliar o estado hídrico do atleta baseado nas variações de peso corporal sem e com aplicação de um fator de correção relacionando com e sinais e sintomas clínicos.

3 Ler mais

Avaliação do fator de correção de hortifrútis em uma unidade de alimentação e nutrição de Teresina - PI  / Evaluation of the correction factor of vegetables in a food and nutrition unit in Teresina - PI

Avaliação do fator de correção de hortifrútis em uma unidade de alimentação e nutrição de Teresina - PI / Evaluation of the correction factor of vegetables in a food and nutrition unit in Teresina - PI

Com o intuito de aproveitar a maior quantidade possível dos alimentos, o FC pode contribuir para redução de custos e para um melhor planejamento de cardápios e de compras dos alimentos na fase de pré-preparo (BEZERRA et al., 2011). Segundo Bellot (2016), por ter essa importância na produção de alimentos, o Fator de Correção deve ser continuamente estudado, verificado e atualizado em cada UAN e ser comparado aos valores encontrados na literatura, uma vez que estes podem ou não se relacionar de forma fidedigna ao encontrado em cada situação prática.
Mostrar mais

9 Ler mais

Determinação do fator de correção para cálculo de perdas magnéticas em núcleos de...

Determinação do fator de correção para cálculo de perdas magnéticas em núcleos de...

Este trabalho apresenta uma proposta para cálculo da correção do fator de construção de núcleos de transformadores de potência, devido à influência das perdas na região das juntas magnéticas. Esse fator permite corrigir o valor de perdas em vazio no núcleo, obtido das curvas do fabricante das chapas de aço-silício, e sua determinação, até o momento, tem sido baseada, sobretudo, em estimativas empíricas e estatísticas. A correção proposta para esse fator é baseada no cálculo das perdas magnéticas na região das juntas, cálculo esse obtido a partir de uma simulação computacional do transformador pelo Método de Elementos Finitos. Com esse fator de correção, foi possível melhorar a precisão do cálculo de perdas em vazio, aproximando-o mais dos valores experimentais. Foram estudados dois tipos de juntas magnéticas, com e sem step-lap, e três dimensões de entreferro; em seguida, foi analisada a influência desses parâmetros no fator de construção. As simulações foram realizadas por um programa comercial que utiliza o Método de Elementos Finitos em duas dimensões.
Mostrar mais

120 Ler mais

Aplicabilidade da Lei do Inverso do Quadrado da Dis-tância em radiologia convencional e mamografia

Aplicabilidade da Lei do Inverso do Quadrado da Dis-tância em radiologia convencional e mamografia

Neste momento falta verificar a análise do grau de concordância entre os dados experimentais e os dados calculados com o fator de correção considerando a LIQD e os dados calculados utilizando o Método de Monte Carlo. Como todas as curvas representa um comportamento não linear decrescente (dando a impressão de decrescimento exponencial) ela tem uma certa similaridade entre si. A questão nessa análise é verificar o grau de concordância de cada método de cálculo, incluindo considerações que levem em conta as variações de cada dado normalizado. Assim sendo, foi adicionada a avaliação com teste χ 2 . Na área da mamografia,
Mostrar mais

16 Ler mais

Estudo para correção dos sensores da rede de monitoramento do campo elétrico em função do campo elétrico de tempo bom

Estudo para correção dos sensores da rede de monitoramento do campo elétrico em função do campo elétrico de tempo bom

Era esperado que o fator de correção apresentasse um padrão uniforme, porém, ao se comparar o sensor de referência, por exemplo, ao o sensor mais próximo localizado na cidade de Jacareí, no qual são apresentadas condições de instalação e fatores ambientais praticamente idênticos ao sensor de referência, algumas disparidades foram observadas. À 00 h 00 min desta data, o campo elétrico apresentou um valor de –66 ± 10 V/m, enquanto o sensor de Jacareí apresentou valor de -130 ± 80 V/m, o que nos apresenta uma variação de 95 %, mesmo em comparação aos outros sites as variações são muito discrepantes e aparentam não guardar uma relação lógica com o ambiente de instalação.
Mostrar mais

43 Ler mais

Desenvolvimento de uma metodologia para otimização do projeto de transmissões por engrenagens cilindricas de perfil evolvente com aplicação de técnicas de correção de perfil

Desenvolvimento de uma metodologia para otimização do projeto de transmissões por engrenagens cilindricas de perfil evolvente com aplicação de técnicas de correção de perfil

A correção positiva proporciona dentes mais robustos, com maior capacidade de carga, entretanto reduz o recobrimento o que pode gerar, principalmente para as engrenagens cilíndricas retas, um valor muito próximo da unidade, gerando choques no engrenamento. Já a correção de perfil negativa possibilita o aumento do recobrimento, porém piora a condição de interferência, além de gerar dentes com maior adelgaçamento com menos resistência de carga. Existem três tipos de correção de perfil considerando-se o par pinhão coroa: a correção de perfil 0, V0 e V (Verschiebung). Na correção de perfil (0) o pinhão e a coroa não sofrem o processo da correção de perfil como indica a FIG. 3.10. A distância entre centros das engrenagens não se altera. O fator de correção de perfil do pinhão (x1) e o fator de correção de perfil da coroa (x2) são nulos.
Mostrar mais

100 Ler mais

Thickeners in iron ore processing

Thickeners in iron ore processing

com o dimensionamento. No entanto, foi aplicado o fator de correção, multiplicativo, de 1,3. Esse fator, também, foi defendido por Simonsen e colaboradores (1991), prin- cipalmente para os concentrados de flota- ção, pois, a espuma remanescente perturba o processo de sedimentação, requerendo maior área unitária. Os resultados de Pinto e colaboradores (2009) também apontam nessa direção.

6 Ler mais

Modelo para determinção da área foliar de Kalanchoe blossfeldiana Poelln.

Modelo para determinção da área foliar de Kalanchoe blossfeldiana Poelln.

Na literatura, existem diversas propostas de metodologias para se estimar a área foliar em espécies de interesse comercial (ROBAINA, 1992; BERTO, 1995; PEITER & CARLESSO, 1996). STICKLER (1961) apresentou uma proposta para cálculo de área foliar em espécies de gramíneas, que consiste em se estimar a área de uma folha (A) através da seguinte expressão: A = 0,75. C.L, onde C é o comprimento máximo da folha desde seu ponto de inserção no colmo até sua ponta; L é a largura da folha, medida na posição de maior dimensão, e 0,75 é o fator de correção de forma (FC)
Mostrar mais

5 Ler mais

Outorga onerosa do direito de construir e dinâmica do mercado imobiliário formal: planejamento e descaminhos na expansão urbana de Parnamirim RN (2008-2010)

Outorga onerosa do direito de construir e dinâmica do mercado imobiliário formal: planejamento e descaminhos na expansão urbana de Parnamirim RN (2008-2010)

aproveitamento máximo único para toda a zona adensável, apresentando Fator de Correção (FC) com característica de decréscimo a ser aplicado no valor da concessão d[r]

206 Ler mais

Biometric changes induced by phakic myopic anteriorchamber intraocular lenses

Biometric changes induced by phakic myopic anteriorchamber intraocular lenses

Sugerimos que, enquanto não for determinada uma veloci­ dade do som específica ou algum fator de correção para ser utilizado no exame de biometria em olhos fácicos com LIO de câmara anterior, sej a usada a medida do comprimento axial pelo MODO pseudo-fácico no cálculo do poder da LIO para a correção da afacia em uma eventual cirurgia de catarata.

5 Ler mais

Avaliação e comparação entre métodos de mensuração de pressão arterial sistólica em gatos hígidos anestesiados.

Avaliação e comparação entre métodos de mensuração de pressão arterial sistólica em gatos hígidos anestesiados.

Foram avaliados e comparados, para fins de validação, dois diferentes métodos de mensuração de pressão arterial sistólica (PAS), não invasivos ou indiretos (oscilométrico e Doppler vascular) com o invasivo ou direto (cateterização arterial - padrão ouro), em 12 gatos hígidos anestesiados de idade variando entre sete meses e dois anos. Em cada animal, procedeu-se à mensuração simultânea da pressão não invasiva e da invasiva. O método oscilométrico foi comparado, por meio de sete medidas consecutivas, com intervalo de 30 segundos entre elas, com o método invasivo, e, logo em seguida, o método Doppler foi comparado ao método invasivo da mesma maneira. Concluiu-se que o método oscilométrico é estatisticamente igual ao método invasivo, enquanto o Doppler difere de ambos. Entretanto, pela forte correlação positiva entre os métodos Doppler e invasivo, foi possível criar um fator de correção (equação de regressão linear) para se determinar o valor da pressão invasiva, a partir do valor obtido pelo método Doppler. Para obtenção de valores mais fidedignos, recomenda-se a utilização desse fator de correção quando o método Doppler for utilizado para mensuração de PAS em gatos anestesiados.
Mostrar mais

9 Ler mais

Estudo de fibras de folhas de abacaxis (gênero Ananas) e sua utilização em compósitos biodegradáveis com matriz de poli(ácido lático) (PLA)

Estudo de fibras de folhas de abacaxis (gênero Ananas) e sua utilização em compósitos biodegradáveis com matriz de poli(ácido lático) (PLA)

Para o fator de correção do alinhamento dos reforços, k , foi utilizado o valor de 1/3 (distribuição aleatória em um só plano dos reforços), devido os resultados obtidos [r]

180 Ler mais

Formulação de rações para poedeiras com base em aminoácidos totais e digestíveis utilizando diferentes estimativas da composição de aminoácidos em alimentos.

Formulação de rações para poedeiras com base em aminoácidos totais e digestíveis utilizando diferentes estimativas da composição de aminoácidos em alimentos.

De acordo com Swick (l992), o conteúdo de aminoácidos dos alimentos pode ser estimado por meio da utilização de equações de regressão múltiplas baseadas na composição centesimal e de equações de regressão linear com base no valor de PB e MS ou pelo uso de fator para correção. Pelo fator de correção, o valor de PB é determinado na amostra e dividido pelo valor de PB do alimento apresentado na tabela de composição adotada como referência, estimando-se os valores de aminoácidos da amostra pela multiplicação dos valores de aminoácidos da tabela de composição pela taxa obtida.
Mostrar mais

7 Ler mais

Espessadores no beneficiamento de minério de ferro.

Espessadores no beneficiamento de minério de ferro.

O fator de correção (0,64) multipli- cativo para o valor da área unitária, deter- minada pelo método de Kynch, Talmage e Fitch (modiicado), foi utilizado para o dimensionamento dos espessadores de lamas dos circuitos de tratamento das mi- nas de Fábrica Nova e de Brucutu (Figura 2). Note-se que o desempenho industrial

6 Ler mais

Equação de Predição do Consumo de Oxigênio em uma População Brasileira.

Equação de Predição do Consumo de Oxigênio em uma População Brasileira.

do ar e 1.009,25 hPa (757 mmHg) de pressão atmosférica. A calibração foi feita periodicamente com seringa de três litros, para empregar o fator de correção que determina o volume respiratório. As frações expiradas de oxigênio (FEO 2 ) foram medidas por uma célula eletroquímica de resposta rápida e elevada precisão (0,1 vol.%), e as frações expiradas de dióxido de carbono (FECO 2 ), por um analisador ND infravermelho de alta precisão. A calibração dos analisadores do equipamento foi feita com mistura gasosa conhecida de O 2 (12%) e CO 2 (4,99%), balanceada com nitrogênio (N 2 ). As variáveis ventilatórias foram registradas instantaneamente e, em momento posterior, calculadas para o tempo médio de 10 segundos.
Mostrar mais

9 Ler mais

Rev. Assoc. Med. Bras.  vol.43 número3

Rev. Assoc. Med. Bras. vol.43 número3

Outros recomendam o emprego da equação clássica de Harris-Benedict sem fatores de correção ou empregando, no máxi- mo, um fator de correção de 1,3 vez o valor calcu- lado (tabela 1).. A [r]

9 Ler mais

Padronização do gasto metabólico de repouso e proposta de nova equação para uma população feminina brasileira.

Padronização do gasto metabólico de repouso e proposta de nova equação para uma população feminina brasileira.

Além do novo modelo formulado, foi proposto um fator de correção para melhor ajuste da fórmula de HB à nossa população, por meio de um modelo de regres- são considerando-se o result[r]

7 Ler mais

Show all 10000 documents...

temas relacionados