Top PDF A função da avaliação no processo de ensino aprendizagem

A função da avaliação no processo de ensino aprendizagem

A função da avaliação no processo de ensino aprendizagem

Esta monografia traz reflexões no tocante as funções da avaliação no processo de ensino aprendizagem, procurando evidenciar as diferenças entre, medir testar e avaliar. Dando ênfase aos instrumentos avaliativos mais utilizados nessa modalidade de ensino. Um dos principais objetivos é diagnosticar as percepções dos professores a respeito de avaliação do rendimento escolar e a função que exerce no processo de ensino aprendizagem, para tanto utilizaremos questionários para coleta de dados que será aplicado numa escola pública da cidade de Conceição-Paraíba.
Mostrar mais

30 Ler mais

A importância da avaliação no processo ensino aprendizagem na disciplina de ciências

A importância da avaliação no processo ensino aprendizagem na disciplina de ciências

Quando um professor fala em avaliação muitos alunos ficam com medo e apreensivos quanto ao que vai ser cobrado na prova, pois esse é um momento muito tenso e de muita pressão para os alunos. A avaliação é um processo natural que acontece para que o professor tenha uma noção dos conteúdos assimilados pelos alunos, bem como saber se as metodologias de ensino adotadas por ele estão surtindo efeito na aprendizagem dos alunos. Há muito tempo atrás avaliar significava apenas aplicar provas, dar uma nota e classificar os alunos em aprovados e reprovados. Ainda hoje existem alguns professores que acreditam que avaliar consiste somente nesse processo. Contudo, essa visão aos poucos está sendo modificada. Nesse sentido, a forma avaliativa funciona como um elemento de integração e motivação para o processo de ensino-aprendizagem. A avaliação é um processo atualmente entendido não só como o resultado dos testes e provas, mas também os resultados dos trabalhos e/ou pesquisas que os alunos realizam.
Mostrar mais

50 Ler mais

A AVALIAÇÃO DO PROCESSO ENSINO-APRENDIZAGEM NAS SÉRIES INICIAIS NO ÂMBITO ESCOLAR

A AVALIAÇÃO DO PROCESSO ENSINO-APRENDIZAGEM NAS SÉRIES INICIAIS NO ÂMBITO ESCOLAR

A avaliação deve ser contínua e sistematicamente por meio da interpretação qualitativa do conhecimento construído pelo aluno; é elemento integrador entre a aprendizagem e o ensino; conjunto de ações cujo objetivo é o ajuste e a orientação da intervenção pedagógica para que o aluno aprenda da melhor forma; conjunto de ações que buscam obter informações sobre o que foi aprendido e como; elemento de reflexão contínua para o professor sobre sua prática educativa; instrumento que possibilita ao aluno tomar consciência de seus avanços, dificuldades e possibilidades; ação que ocorre durante todo o processo de ensino aprendizagem e não apenas em momentos específicos caracterizados como fechamento de grandes etapas de trabalho.
Mostrar mais

81 Ler mais

Avaliação do impacto do jogo "Sintetizando Proteínas" no processo de ensino-aprendizagem...

Avaliação do impacto do jogo "Sintetizando Proteínas" no processo de ensino-aprendizagem...

Esse trabalho compreendeu a avaliação do impacto do jogo ‘Sintetizando Proteínas’ sobre o processo de ensino-aprendizagem de alunos do ensino médio e sua compreensão conceitual a respeito do tema ‘proteínas’, fundamentados na ‘teoria sócio-interacionista’ de Vygotsky. Os conceitos formulados pelos alunos foram coletados em três etapas diferentes: a primeira, anterior à aplicação do jogo, por meio de um questionário diagnóstico e uma pré-entrevista; a segunda, durante o jogo, por meio de gravações áudio-visuais; a terceira, posterior à aplicação do jogo, por meio de uma pós-entrevista. Os dados levantados pelo questionário diagnóstico permitiram detectar algumas tendências do pensar dos alunos com relação ao conceito de proteína: a) tendência em definir genericamente o papel das proteínas; b) tendência dos alunos em associar proteínas aos alimentos de origem animal; c) tendência em entenderem as proteínas apenas como ‘construtoras’ de tecidos, portanto uma função prioritariamente estrutural. A análise e interpretação dos dados referentes às pré e pós-entrevistas e das transcrições das gravações áudio-visuais nos mostraram que as interações ocorridas durante o jogo tiveram um importante papel na evolução de alguns conceitos antes incompreendidos pelos alunos. Dessa forma o jogo, enquanto um modelo que simula o processo de síntese protéica dentro da célula, proporcionou aos alunos experiências que os permitiram ‘vivenciar’ esse processo, estabelecendo uma ponte entre o abstrato e o concreto, possibilitando aos mesmos o alcance de níveis de desenvolvimento mais elevados e a evolução de conceitos antes incompreendidos.
Mostrar mais

236 Ler mais

A influência da avaliação no processo ensino-aprendizagem

A influência da avaliação no processo ensino-aprendizagem

Tendo em conta os dados recolhidos e atendendo as categorias contempladas na investigação, pode concluir-se que, de um modo geral os sujeitos entrevistados, consideram a avaliação como sendo um elemento fundamental e parte integrante do processo de ensino-aprendizagem; um conjunto de procedimentos do qual o docente recorre para determinar até que ponto estão a ser atingidos os objetivos de aprendizagem em suma […] é um processo que visa determinar a eficácia da aquisição de conhecimento dentro de um processo de ensino aprendizagem; é uma parte importante do processo de ensino e aprendizagem. A avaliação constitui uma das categorias da didática o que corrobora com proposto por Abrantes (2002), que considera a avaliação como sendo um elemento que não só integra e regula as práticas pedagógicas, como também exerce uma função de certificação das aprendizagens realizadas e das competências desenvolvidas. Outrossim, exerce influência nas decisões que têm como finalidade melhorar a qualidade do ensino, bem como na confiança social relativamente ao funcionamento do sistema educativo. Os docentes entrevistados entendem que a avaliação das aprendizagens é muito importante uma vez que proporciona o feedback relativo ao nível de aprendizagem dos alunos como refere um dos participantes.
Mostrar mais

70 Ler mais

O papel do livro didático no processo de ensino aprendizagem: uma introdução do conceito de função

O papel do livro didático no processo de ensino aprendizagem: uma introdução do conceito de função

O presente trabalho tem como objetivo analisar a abordagem feita na introdução do conceito de Função em um livro didático de matemática do primeiro ano do Ensino Médio, e verificar se esta abordagem favorece a compreensão deste conceito pelo aluno e ajuda o professor em seu planejamento didático e na gestão das aulas. A análise é realizada observando- se, detalhadamente, a abordagem do conteúdo em jogo desenvolvida pelos autores com base nas discussões teóricas desenvolvidas por Gérard Vergnaud relativas aos Campos Conceituais, por Yves Chevallard sobre a Transposição Didática e Guy Brousseau referente às Situações Didáticas, considerando o papel e a importância do livro didático no cotidiano escolar, sem perder de vista o desenvolvimento histórico do conceito de Função. O livro didático é de grande importância no processo de ensino aprendizagem, ele auxilia, orienta e até mesmo direciona este processo. Com este estudo pudemos evidenciar que mesmo um livro didático não apresentando todas as características desejáveis pelo professor, cabe ao mesmo fazer as devidas transformações, correções e/ou complementações para que o mesmo seja usado de forma adequada e desempenhe seu papel no ensino e em especial no que diz respeito à aprendizagem do aluno, auxiliando-o no entendimento e na formação do conteúdo ou do conceito em estudo.
Mostrar mais

86 Ler mais

Análise reflexiva acerca do processo de ensino aprendizagem e da avaliação de geografia

Análise reflexiva acerca do processo de ensino aprendizagem e da avaliação de geografia

Esta pesquisa monográfica apresenta uma análise reflexiva acerca do ensino e da avaliação de Geografia nos anos finais da educação básica, revelando a intrínseca relação entre o processo de ensino-aprendizagem e a avaliação, como a exitosa prática pedagógica para a construção do conhecimento geográfico. Pretende-se conhecer a maneira de se realizar uma educação inclusiva e, avaliativamente, eficaz. Além disso, proporcionar direções para a aprendizagem significativa dos educandos, numa escola estadual do município de Guarabira/PB. Para tanto, são demonstradas discussões baseadas em autores, tais como Freire (1996), Callai (2001), Hadji (2001), Ballester et al. (2003), Vasconcellos (2007) Hoffmann (2009) entre outros. A partir de uma investigação bibliográfica, realizaram-se estudos exploratórios e qualitativos, através de entrevistas, observações e questionários aplicados a um professor colaborador da pesquisa e aos alunos da turma do 2º ano médio, ambos localizados na escola da rede pública do município de Guarabira/PB. Após as averiguações e discussões reflexivas, constatamos que a avaliação é um dos principais apoios da prática pedagógica e da aprendizagem dos educandos, os quais devem ter uma autoanálise, um diagnóstico contínuo e formativo. Consideramos, portanto, a necessária mediação, regulação e estabelecimento de uma diplomação diferenciada, para se erradicar a reprovação escolar, a qual é motivo notório de retrocesso à educação inclusiva e o estopim da evasão escolar.
Mostrar mais

44 Ler mais

Avaliação do processo ensino-aprendizagem do atendimento pré-hospitalar às vítimas...

Avaliação do processo ensino-aprendizagem do atendimento pré-hospitalar às vítimas...

Eu, Carla Cristiane Paz Felix, abaixo assinado, gostaria de convidá-lo a participar como voluntário de uma pesquisa intitulada “Avaliação do processo ensino aprendizagem do atendimento pré-hospitalar às vítimas de parada cardiorrespiratória (PCR) ”, que se refere à minha pós-graduação, nível Doutorado, sob orientação da Profa. Dra. Ana Maria Kazue Miyadahira. O objetivo deste estudo é avaliar o conhecimento teórico e prático dos alunos de graduação em enfermagem antes e após Curso teórico-prático sobre do atendimento pré-hospitalar às vítimas de parada cardiorrespiratória (PCR) e contará com a participação do aluno em algumas fases: avaliação teórico-prática do conhecimento antes do Curso; participação em Curso teórico-prático com duração de 6 horas; possibilidade de treinamento supervisionado no Laboratório de Enfermagem durante um mês e avaliação teórico-prática após o Curso.
Mostrar mais

148 Ler mais

A avaliação no processo ensino aprendizagem na educação infantil e no ensino fundamental

A avaliação no processo ensino aprendizagem na educação infantil e no ensino fundamental

O presente artigo traz como tema “a avaliação no processo ensino aprendizagem na educação infantil e no ensino fundamental” visando compreender o processo de avaliação, pois neste contexto existe mais do que apenas conteúdo, dessa forma, deve-se levar em consideração as habilidades desenvolvidas durante o desenvolver do ensino, fazendo com que a criança sinta prazer em estudar e realizar suas atividades. A avaliação possui elementos que dependem de uma apurada observação e intervenção do professor, pois avaliar é levar em conta um processo maior do que o resultado de uma prova ou de uma atividade escolar. Portanto, durante esse percurso, muitas vezes entra em jogo o próprio trabalho desenvolvido pelo educador, exigindo-se uma sensibilidade, que destaque sua autocrítica e seu discernimento enquanto educador. A opção por este tema deu-se diante da importância da necessidade de avaliar corretamente os alunos na educação infantil e nas séries iniciais nos dias de hoje e para questionarmos o verdadeiro significado da avaliação, mostrando que a mesma deve ser um processo para auxiliar no desenvolvimento cognitivo do aluno e não apenas o classifica. Assim, tem-se por objetivo geral, analisar se as avaliações estão sendo desenvolvidas pelos professores, como um processo de construção de conhecimento das séries iniciais do ensino fundamental.
Mostrar mais

25 Ler mais

A avaliação no processo de ensino aprendizagem: perspectivas e desafios à prática docente

A avaliação no processo de ensino aprendizagem: perspectivas e desafios à prática docente

O presente trabalho tem por objetivo refletir sobre o papel da avaliação no processo de reflexão da prática docente no sentido de oportunizar a busca por metodologias que contribuam para o aperfeiçoamento do ensino. Busca-se também analisar que espaço o ato avaliativo deve ocupar no debate acerca da aprendizagem e que leitura o professor deve fazer dos resultados obtidos tentando assim desmistificar o sentido da avaliação como mero mecanismo de punição. Para a fundamentação teórica são utilizados os estudos de teóricos que se debruçam sobre o tema e trazem grandes contribuições ao tema sendo eles: Luckesi (2002); Hofmann (1991); Tardif (2002) dentre outros que evidenciam a importância da avaliação para o processo de ensino aprendizagem. Considerando a escola como um intenso espaço de interação e que necessita estar constantemente em análise, este estudo coloca em evidência o papel do professor como mediador entre a realidade e o ensino e portanto parte indissociável do processo evolutivo dos alunos tendo assim o dever de elaborar estratégias que concorram para a formação cidadã dos sujeitos.
Mostrar mais

38 Ler mais

Avaliação da qualidade do processo ensino-aprendizagem no curso de graduação em Enfermagem.

Avaliação da qualidade do processo ensino-aprendizagem no curso de graduação em Enfermagem.

Objetivo: identificar os aspectos de melhoria da qualidade do processo ensino-aprendizagem através da análise de ferramentas que avaliaram a aquisição de competências pelos alunos do curso de Enfermagem. Método: estudo longitudinal prospectivo realizado em uma população de 60 alunos do segundo ano de Enfermagem com base nos dados de registro dos quais foram obtidos indicadores de qualidade que avaliam a aquisição de competências, com análise descritiva e inferencial. Resultados: foram identificados nove itens e nove atividades de aprendizagem incluídas nas ferramentas de avaliação que não atingiram os indicadores de qualidade estabelecidos (p<0,05). Existem diferenças estatisticamente significativas dependendo do hospital e da unidade de práticas clínicas (p<0,05). Conclusão: a análise das ferramentas de avaliação utilizadas na matéria “Cuidados de Enfermagem em Processos Assistenciais” de tal curso universitário permitiu detectar as áreas de melhoria no processo de ensino-aprendizagem. O desafio da educação em enfermagem é conseguir utilizar os melhores resultados da pesquisa clínica e pedagógica, a fim de proporcionar melhorias para a qualidade do ensino e para a qualidade assistencial.
Mostrar mais

8 Ler mais

A avaliação como ponto de partida para o trabalho pedagógico no processo ensino aprendizagem

A avaliação como ponto de partida para o trabalho pedagógico no processo ensino aprendizagem

Este trabalho tem como temática a conceitualização do significado de avaliação no contexto escolar; a função da avaliação no trabalho pedagógico e como processo social de aprendizagem; as formas de avaliação; e as várias vertentes da avaliação em cada momento histórico. Neste sentido, a avaliação torna-se a mola precursora para o professor no desenvolvimento de suas ações no cotidiano escolar. Pretende-se apresentar também uma reflexão sobre o que fazer ou qual direção deve seguir o educador para construir um processo de ensino-aprendizagem significativo, considerando os resultados da avaliação, sendo esta condizente com o objetivo, com a metodologia executada e com os conteúdos trabalhados em sala de aula. Com uma ação que promova uma avaliação nestes parâmetros, de acordo com a concepção pedagógica dialética, é possível se chegar a um “modelo” de educação emancipadora e de qualidade. Para elaboração desta monografia os principais autores utilizados foram: Paulo Freire, Jussara Hoffman, Carlos Cipriano Luckesi e Luiz Carlos Gasparin.
Mostrar mais

29 Ler mais

Avaliação como processo de ensino-aprendizagem

Avaliação como processo de ensino-aprendizagem

Nessa perspectiva de Luckesi, a prática da avaliação escolar não pode ser feita simplesmente de forma medida, calculada, impressa por um valor numérico. Ela precisa estar ressarcida de valores construídos pelos homens, buscando um projeto maior de sociedade que atenda os interesses de toda população. Esse construir um significado de coletividade, de bem estar social, deve ter, por parte do educador, propostas de ação interdisciplinar, que vise a situações práticas associadas às questões políticas e sociais, reverenciando uma pedagogia “envolvente”. Sendo assim, avaliar o aluno requer muito mais. A autora Hoffmann, se referindo à avaliação como processo de ensino- aprendizagem esclarece:
Mostrar mais

18 Ler mais

A avaliação no processo ensino aprendizagem na educação infantil e no ensino fundamental

A avaliação no processo ensino aprendizagem na educação infantil e no ensino fundamental

Este estudo é relevante para conhecermos a importância da avaliação da aprendizagem também na educação infantil, pois existem diversos fatores que influenciam o interesse pela aprendizagem. Sendo assim, pode-se dizer que a capacidade de aprender está intimamente ligada a motivação. Infelizmente são poucos os pais que se dedicam efetivamente em estimular esta capacidade nos seus filhos. Outro fator que contribui positivamente em relação à aprendizagem é a influência do professor. Nesta perspectiva, cabe ao professor desempenhar um importante papel: o de ensinar a criança a compreender o mundo pedagógico inserindo-se no conceito de avaliação do processo ensino-aprendizagem.
Mostrar mais

25 Ler mais

Arquitetura de software voltada para a avaliação contínua do processo de ensino aprendizagem

Arquitetura de software voltada para a avaliação contínua do processo de ensino aprendizagem

Este trabalho tem o objetivo de apresentar a estrutura, a descrição e a validação de uma arquitetura de software. Essa arquitetura tem a capacidade de possibilitar a construção de novas ferramentas. Essas novas ferramentas possuem o propósito de realizar a avaliação contínua do desempenho do aluno no processo de ensino- aprendizagem. Através de uma pesquisa de caráter exploratório e a fim de validar a arquitetura de software proposta, foi realizado um estudo de caso composto por três situações. Esse estudo de caso foi realizado nas turmas do 1º ano do curso de informática do Campus Avançado Lajes do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN). Esse estudo de caso abordou o assunto de funções exponenciais da disciplina de matemática 1. Logo após o professor ministrar o assunto de funções exponenciais, uma avaliação composta por apenas uma única questão objetiva foi construída e disponibilizada para a turma durante uma aula expositiva. Em seguida, esses alunos responderam a avaliação em questão, permitindo que o professor gerasse um breve relatório a respeito do desempenho da turma em relação ao conteúdo abordado em sala de aula. Uma vez de posse desses dados, o professor teve condições de decidir se realizava uma revisão a respeito do assunto ministrado ou se dava sequência ao desenvolvimento de sua disciplina. Em uma situação do estudo de caso, o professor observou que ele poderia dar sequência ao desenvolvimento de sua disciplina. No entanto, nas demais situações do estudo de caso, o professor percebeu que ele deveria realizar uma breve revisão a respeito do conteúdo abordado, visto que as turmas haviam apresentado um desempenho muito baixo. Esse processo se deu através da utilização de um sistema esquelético desenvolvido com base na arquitetura de software proposta. O sistema construído foi implementado através da utilização de tecnologias web a fim de disponibilizá-lo na Internet. Dessa forma, esse sistema estaria mais acessível aos alunos, seja por um notebook, tablet, smartphone ou qualquer outro dispositivo que possibilitasse o acesso à Internet. Pode-se dizer que essa é uma maneira ágil de fornecer um melhor direcionamento em relação aos assuntos ministrados durante as aulas dos professores. Após a realização do processo de validação da arquitetura de software proposta, os dados gerados foram coletados, analisados e apresentados. Por fim, tem-se as conclusões extraídas a partir da construção deste trabalho e algumas propostas que poderão ser desenvolvidas em trabalhos futuros.
Mostrar mais

81 Ler mais

Avaliação do processo ensino aprendizagem das manobras de ressuscitação cardiorrespiratória...

Avaliação do processo ensino aprendizagem das manobras de ressuscitação cardiorrespiratória...

Tal fato foi verificado também em estudo para avaliação do processo ensino-aprendizagem na avaliação e atendimento primário em RCP, em que a execução da manobra “ventilar duas vezes a vítima 1-1,5 segundos/inspiração sendo realizada corretamente na 1ª. etapa do estudo por nove (11,8%) alunos de graduação em enfermagem para 33(43,4%) na 2ª. Etapa, indicando que se trata de uma manobra com alto grau de dificuldade para execução já que é uma habilidade psicomotora complexa exigindo a utilização de movimentos coordenados complexos e precisos de tronco e membros em curto espaço de tempo. 33
Mostrar mais

140 Ler mais

A avaliação de desempenho docente : implicações no processo de ensino-aprendizagem

A avaliação de desempenho docente : implicações no processo de ensino-aprendizagem

Apesar de não haver no nosso país uma cultura marcada de avaliação de desempenho docente, o que em alguns países (e.g. Inglaterra, França, Chile, Bélgica) se pratica há já alguns anos, os professores confrontaram-se, a partir de 2008, com um processo de avaliação de desempenho, que implicava profundas alterações no sistema de ensino - aprendizagem, na gestão e no trabalho quotidiano dos professores. Após a mudança introduzida pelo Decreto-Lei nº15/2007, de 19 de janeiro, regulamentado pelo Decreto-Regulamentar nº2/2008, de 10 de janeiro, a avaliação dos professores deixou de ser um processo pacífico, obrigando a gerir conflitos, atitudes e afetos intra e inter-pessoais, na tentativa de se compreenderem os novos poderes vigentes e combater a desilusão, para que a resistência à mudança fosse a menor possível. A avaliação assumiu, então, um elevado protagonismo, que serviu de mote à abertura de telejornais em horário nobre, notícias de primeira página de jornais nacionais de tiragem diária e deu também origem a manifestações e a reivindicações profundas de desagrado, conduzindo à união de uma classe, a dos professores, que há muito não acontecia.
Mostrar mais

110 Ler mais

O PROGRAMA DE AVALIAÇÃO DOCENTE DA UNIJUÍ PARA A QUALIFICAÇÃO DO PROCESSO DE ENSINO-APRENDIZAGEM

O PROGRAMA DE AVALIAÇÃO DOCENTE DA UNIJUÍ PARA A QUALIFICAÇÃO DO PROCESSO DE ENSINO-APRENDIZAGEM

O Programa de Avaliação Docente representa uma estratégia de excelência em todo o fazer acadêmico da UNIJUÍ. É constituído a partir de três subprogramas, os quais possibilitam diferentes olhares. Para essa produção, fez-se um recorte, trabalhando a partir de questões dos instrumentos utilizados em dois subprogramas: Autoavaliação Docente; e Avaliação das Disciplinas pelos Estudantes. Utilizou-se também os resultados do terceiro subprograma, que é a Avaliação pelos Pares. A trajetória e as concepções institucionais de avaliação, a legislação que estabelece as políticas públicas de avaliação da educação superior e os referenciais teóricos consultados sustentam a base teórica. Os dados foram extraídos do Sistema de Informações de Ensino da UNIJUÍ e dos pareceres dos Núcleos Docentes Estruturantes. Objetivou-se expor uma reflexão acerca da possibilidade de utilização do Programa de Avaliação Docente da UNIJUÍ como ferramenta de gestão que possibilita a qualificação dos processos de ensino e de aprendizagem. Para tanto, fez-se uma breve contextualização, analisaram-se e discutiram-se os resultados obtidos em 2015. O estudo evidenciou que o referido Programa contribuiu para o alinhamento entre os processos de avaliação e de planejamento, pelo envolvimento dos professores e coordenadores de curso nas ações realizadas durantes os semestres.
Mostrar mais

11 Ler mais

Avaliação do processo ensino-aprendizagem: seu significado para o aluno de ensino médio de enfermagem.

Avaliação do processo ensino-aprendizagem: seu significado para o aluno de ensino médio de enfermagem.

Atuar como docente, independente do grau (educação infantil, ensino fundamental, médio, técnico ou superior), exige: compromisso com o aluno, com a instituição e com a sociedade; competência técnica e científica que permita desenvolver as atividades, dentro de um rigor didático-pedagógico e científico; dedicação no desenvolvimento da atividade a que se propõe; e visão de futuro para formar cidadãos- profissionais com condições de concorrer no mercado de trabalho. Não é nossa intenção fazer apologia ao trabalho do educador, pois este não é o objetivo deste estudo. Queremos sim, reafirmar que a preocupação e a ocupação do docente com a avaliação são fatores fundamentais para o desenvolvimento do educando.
Mostrar mais

8 Ler mais

Pedagogia Waldorf: uma avaliação qualitativa do processo ensino-aprendizagem

Pedagogia Waldorf: uma avaliação qualitativa do processo ensino-aprendizagem

Emil Molt, um grande colaborador do Movimento pela Trimembração do Organismo Social e diretor da fábrica de ci- garros Waldorf-Astória, convidou Steiner para ministrar pales- tras sobre temas sociais e educativos para seus operários, resultando no desejo destes de ter uma escola mais humana para os seus filhos. Steiner iniciou, então, estudos sobre peda- gogia, didática e metodologia de ensino seguindo concepções sócio-antropológicas baseadas na Antroposofia. Surgiu, assim, a proposta pedagógica das escolas Waldorf.

8 Ler mais

Show all 10000 documents...