Top PDF Chagas, a lógica e a descoberta.

Doença de Chagas em Lassance, MG: Reavaliação clínico-epidemiológica 90 anos após a descoberta de Carlos Chagas.

Doença de Chagas em Lassance, MG: Reavaliação clínico-epidemiológica 90 anos após a descoberta de Carlos Chagas.

A doença de Chagas humana foi descoberta em Lassance e ali vem se constituindo em importante agravo até o presente. Na falta de grandes ações antrópicas e de políticas eficazes de saneamento e habitação, sua prevalência foi crescente, até que, nos anos 80, o programa ministerial contra a doença de Chagas foi priorizado e reverteu – praticamente em todo o País –esta tendência de expansão. O presente trabalho teve como objetivos centrais verificar a situação atual da doença de Chagas em Lassance e registrar a história da doença e de seu controle na Região. Além da parte histórica, levantada de registros e trabalhos clássicos, os principais dados da situação atual foram levantados por pesquisa direta na área, envolvendo toda a população, autoridades e uma série de instituições. MATERIAL E MÉTODOS
Show more

10 Read more

CRISTIANO NATAL TONÉIS A LÓGICA DA DESCOBERTA NOS JOGOS DIGITAIS

CRISTIANO NATAL TONÉIS A LÓGICA DA DESCOBERTA NOS JOGOS DIGITAIS

filosófico nasce dos contatos de Papert com as obras e pesquisas de Piaget e dos estudos a respeito do problema na inteligência artificial. A concepção de Papert a respeito do ser- humano e do mundo situa-se numa perspectiva interacionista, sendo o conhecimento entendido como o produto dessa interação, que se encontra centrada nas formas com que o mundo – cultural – influencia as ações do sujeito em interação com os objetos, vista como uma espécie de ciência da cognição, que para Papert também é uma metodologia de ensino- aprendizagem, cujo objetivo é fazer com que as crianças pensem a respeito de si mesmas, pois “pensar sobre modos de pensar faz a criança tornar-se um epistemólogo, uma experiência que poucos adultos tiveram” 69 (Papert, 1985, p.35) e tal pensamento, tal desenvolvimento cognitivo apresenta-se na avaliação dos resultados das ações pelas próprias crianças, ou seja, no processo de descoberta. Aquilo que a criança aprendeu porque fez, após ter explorado, investigado e descoberto por si própria, além de contribuir para o desenvolvimento de suas estruturas cognitivas, reveste-se de um significado especial que colabora sob um olhar psicogenético, para assimilação e consequentemente para construção das estruturas formais do conhecimento, promovendo o que podemos chamar uma real auto-aprendizagem. Outro aspecto importante nas concepções de Papert está em considerar-se o erro como um importante fator de aprendizagem, o que oferece oportunidades para que o aluno, ou aprendiz, entenda o porquê errou e busque desta forma uma nova maneira de encontrar a solução para o problema, investigando, explorando, descobrindo por si próprio, ou seja, uma aprendizagem pela descoberta. Os procedimentos 70 de análise e correção no processo de aprendizagem pelo LOGO possibilitam a descoberta de diferentes caminhos na solução de problemas, sendo que esses caminhos advêm de um contexto cultural onde não há certo e errado, pois as soluções são construídas a partir de caminhos pessoais. Na educação, Papert cunhou o termo construcionismo 71 como sendo a abordagem do construtivismo que permite ao educando construir o seu próprio conhecimento por intermédio de alguma ferramenta, como o computador, por exemplo.
Show more

210 Read more

Abdução e a lógica da descoberta em economia

Abdução e a lógica da descoberta em economia

Uma das grandes contribuições de Charles S. Peirce à lógica encontra-se nos seus trabalhos sobre abdução, numa definição simples: o ato de encontrar um traço ou característica num fenômeno e a partir daí sugerir uma hipótese explicativa (Peirce 1958). Mark Blaug caracteriza uma abdução como um raciocínio distinto da indução e dedução. Uma indução que não pode ser logicamente abandonada pois surge desde logo como temporária e falível, uma conjectura. Segundo Blaug, muita confusão poderia ser evitada se pudéssemos usar a palavra abdução para racionalizações não demonstradas, vulgarmente chamadas de indução. Sendo o papel da dedução dar consistência ao pensamento caberia ao processo de abdução a responsabilidade na criação das idéias na ciência. No exemplo abaixo utilizado por Peirce, retirado da Stanford Encyclopedia of Philosophy (Burch 2001), podemos ver isto com clareza:
Show more

12 Read more

Einstein (São Paulo)  vol.8 número3

Einstein (São Paulo) vol.8 número3

No centenário da descoberta do agente etiológico da Do- ença de Chagas (Carlos Chagas, descobridor da doença, vetor e agente etiológico tudo de uma vez só!), o assunto não só é atual, como a doença aguda ainda ocorre. A do- ença veiculada pelo vetor está controlada no Brasil, mas formas congênitas, transfusionais e por vias não usuais de transmissão ainda aparecem. Recentemente, um cidadão

1 Read more

AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM NA PESQUISA NA SALA DE AULA: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA

AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM NA PESQUISA NA SALA DE AULA: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA

(...) a descoberta de que os alunos trazem para as salas de aula noções já estruturadas, com toda uma lógica própria e coerente e um desenvolvimento de explicações causais que são fruto de seus intentos para dar sentido às atividades cotidianas, mas diferente da estrutura conceitual e lógica usada na definição científica desses conceitos, abalou a didática tradicional, que tinha como pressuposto que o aluno era uma tabula rasa, ou seja, que não sabia nada sobre o que a escola pretendia ensinar (CARVALHO, 2004, pág. 05).
Show more

7 Read more

Capítulo II– Dos Sócios Artigo 3

Capítulo II– Dos Sócios Artigo 3

correspondência escrita enviada via carta simples, quando a Associação não dispuser de acesso a meios eletrônicos, indicando data, local e horário da realização da Assembléia Geral, bem[r]

7 Read more

Seu programa deve realizar as seguintes impressões (seguidas de uma quebra de linha) em um arquivo de texto, quando o evento em questão ocorrer:

Seu programa deve realizar as seguintes impressões (seguidas de uma quebra de linha) em um arquivo de texto, quando o evento em questão ocorrer:

Contudo há duas situações onde esse intervalo pode ser desrespeitado: se em X/4 segundos nenhum carro passar no cruzamento, em nenhum dos sentidos, o sinal fecha e seu oposto abre; s[r]

10 Read more

1ª Lista de Exercícios de Paradigmas de Linguagens Computacionais Professores: Fernando Castor, Paulo Borba e Márcio Cornélio Monitores: Ciência da Computação: Alberto Rodrigues Costa Junior (arcj), Jéssica de Carvalho Barbalho (jcb), Luana Martins dos Sa

1ª Lista de Exercícios de Paradigmas de Linguagens Computacionais Professores: Fernando Castor, Paulo Borba e Márcio Cornélio Monitores: Ciência da Computação: Alberto Rodrigues Costa Junior (arcj), Jéssica de Carvalho Barbalho (jcb), Luana Martins dos Sa

20) Nem tudo são flores! Crie funções para realizar acessos às posições de uma Matrix através de índices. Você deve criar duas dessas funções, set e get, uma para “mudar” o valor em de[r]

7 Read more

2ª Lista de Exercícios de Paradigmas de Linguagens Computacionais Professores: Fernando Castor, Paulo Borba e Márcio Cornélio Monitores: Ciência da Computação: Alberto Rodrigues Costa Junior (arcj), Jéssica de Carvalho Barbalho

2ª Lista de Exercícios de Paradigmas de Linguagens Computacionais Professores: Fernando Castor, Paulo Borba e Márcio Cornélio Monitores: Ciência da Computação: Alberto Rodrigues Costa Junior (arcj), Jéssica de Carvalho Barbalho

compõe as respectivas funções de forma que o resultado seja igual a aplicação sucedidas dessas funções da esquerda para a direita.. O funcionamento de functions é tal que aplica cada [r]

6 Read more

3ª Lista de Exercícios de Paradigmas de Linguagens Computacionais Professores: Fernando Castor, Márcio Cornélio e Paulo Borba Monitores: Ciência da computação: Alberto Rodrigues Costa Junior (arcj), Diego Correia

3ª Lista de Exercícios de Paradigmas de Linguagens Computacionais Professores: Fernando Castor, Márcio Cornélio e Paulo Borba Monitores: Ciência da computação: Alberto Rodrigues Costa Junior (arcj), Diego Correia

A brincadeira termina quando alguém estver com seu tonel cheio, após isso imprima a quantdade de litros (ou mililitros) que cada pessoa conseguiu encher, de forma ordenada. Escreva expli[r]

8 Read more

2ª Lista de Exercícios de Paradigmas de Linguagens Computacionais Professores: Fernando Castor, Paulo Borba Monitores: Marcos Paulo Barros Barreto (mpbb)

2ª Lista de Exercícios de Paradigmas de Linguagens Computacionais Professores: Fernando Castor, Paulo Borba Monitores: Marcos Paulo Barros Barreto (mpbb)

4) Analise a classe Deadlock abaixo e explique o que está causando o deadlock. Modifique o que achar necessário para encontrar uma solução para o problema de forma que a execução ainda seja feita com duas threads paralelas, fazendo uso de locks mas sem usar um lock global, sem fazer com que cada uma das threads subtraia ou some somente um dos números, sem modificar a lógica da classe. O resultado da execução deve tornar 'numPositvo' e 'numNegativo' iguais a 0. Modifique a questão para que ocorra o mesmo deadlock, mas faça uso de synchronized e não de locks.
Show more

8 Read more

Retratos do Autismo no Brasil

Retratos do Autismo no Brasil

Além dos pais da criança, o time do PEI deve incluir pelo menos um dos professores de educação regular da criança e, se for o caso, um professor de educação especial, alguém que possa [r]

106 Read more

ESCLARECIMENTOS SOBRE O AUTISMO

ESCLARECIMENTOS SOBRE O AUTISMO

54 do ECA é obrigação do Estado garantir atendimento educacional especializado às pessoas com deficiência preferencialmente na rede regular de ensino, já que toda a criança [r]

12 Read more

Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro da Educação Cristovam Buarque Secretário Executivo Rubem Fonseca Filho Secretária de Educação Especial Claudia Pereira Dutra

Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro da Educação Cristovam Buarque Secretário Executivo Rubem Fonseca Filho Secretária de Educação Especial Claudia Pereira Dutra

Obrigatoriamente, a sala de aula deve contemplar espaços divididos de forma a atender: o aprendizado, que deve ser individual, isto é, o professor ensinando apenas a um aluno; o trabalho[r]

67 Read more

1ª Lista de Exercícios de Paradigmas de Linguagens Computacionais Professores: Fernando Castor, Paulo Borba e Márcio Cornélio Monitores: Ciência da computação: Agay Borges (abn), David Hulak (dbh), Glauco Santos (grps), Lí- via Vilaça (lcjbv), Luís Gabrie

1ª Lista de Exercícios de Paradigmas de Linguagens Computacionais Professores: Fernando Castor, Paulo Borba e Márcio Cornélio Monitores: Ciência da computação: Agay Borges (abn), David Hulak (dbh), Glauco Santos (grps), Lí- via Vilaça (lcjbv), Luís Gabrie

Toda esta proeza com o arco é devido ao seu excelente nível de Agilidade, mas ainda possui níveis de Força e Inteligência um pouco abaixo (este último é menor ainda, pois não deixa de[r]

8 Read more

Certificação de Entidades Beneficentes de Assistência Social no âmbito do MDS

Certificação de Entidades Beneficentes de Assistência Social no âmbito do MDS

 Cópia do Comprovante de Inscrição no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas – CNPJ.. 3º § 1º Na hipótese de atuação em mais de um Município ou Estado, as enti[r]

58 Read more

1968 e depois: os estudantes e a condição proletária — Outubro Revista

1968 e depois: os estudantes e a condição proletária — Outubro Revista

Antes de prosseguirmos, parece-nos importante diferenciar a interpretação centrada na proletarização do trabalho intelectual – especialmente, o trabalho complexo – daquelas[r]

27 Read more

A financeirização do capital e a crise — Outubro Revista

A financeirização do capital e a crise — Outubro Revista

As razões para isso são complexas e têm que ver com (1) o amadu- recimento das economias, quando não é mais necessário que a estrutura industrial básica seja construída a part[r]

33 Read more

A transição socialista e a democracia — Outubro Revista

A transição socialista e a democracia — Outubro Revista

96 - outubro Se isso tudo é justo, então, o socialismo pode ser definido como um período de transição no qual persistem as relações de produção capitalistas e um Estado separado das mass[r]

6 Read more

Show all 10000 documents...