• Nenhum resultado encontrado

Faltadetestes compromete

N/A
N/A
Protected

Academic year: 2021

Share "Faltadetestes compromete"

Copied!
10
0
0

Texto

(1)

ANO XVI - Nº 3.864

MONTES CLAROS, QUARTA-FEIRA, 1 DE ABRIL DE 2020

Ir ao sacolão, ao supermercado, farmácia ou ao banco, muitas vezes, é inadiável. Evite levar as mãos à boca, ao nariz e olhos e as higienize com água e sabão ou álcool em gel. Já as máscarasdevem ser usadas com restrições.PÁGINA 6

Voluntários da ONG Doadoria continuam levan-do alimentos aos moralevan-dores em situação de rua em Montes Claros. A Kombi usada foi repaginada, ga-nhando dispensers de álcool em gel e dados sobre o coronavírus.PÁGINA 5

Sopa temperada

com informação

Pedido de isenção da taxa deve ser feito a partir de 6 de abril. Já o período de inscrição será de 11 a 22 de maio, tanto para a versão impressa quanto para a digital, cujas provas ocorrerão em épocas diferen-tes. Veja o cronograma e programe-se!PÁGINA 8

Precisa ir à rua?

Veja os cuidados

Divulgadas

datas do Enem

Secretária Municipal de Saúde admite que não há

exames para fazer o diagnóstico da Covid-19 na cida-de. Dulce Pimenta alerta que medidas estão sendo tomadas de acordo com o número de notificações, sem a devida clareza do quadro de contaminação no

município.Situação dificulta planejamento de estra-tégias, como pedidos de recursos e criação de leitos. Governador informou ontem que Funed irá ampliar número de testes e que os kits chegam em breve ao Estado.PÁGINAS 3 E 4

Falta de testes

compromete

ações em MOC

COLUNA ESPLANADA -Leandro Mazzini .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. página 2

PRETO NO BRANCO -Aldeci Xavier .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. página 3

ESPAÇO DO EMPREENDEDOR -Sebrae .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. página 5

SOCIAL -Ruth Jabbur

.. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. .. página 10 u COLUNAS PÁGINA 7

APOIO– Grupo orienta sobre a Covid-19

Psicólogo Worney Brito dá dicas para manter a saúde mental em período de isolamento social

ARQUIVO PESSOAL

CASOS SUSPEITOS DE

COVID-19 ESTÃO SOB

INVESTIGAÇÃO EM MOC,

À ESPERA DE EXAMES

PARA CONFIRMAÇÃO DE

DIAGNÓSTICO

FORAM DESCARTADOS

POR CRITÉRIOS

CLÍNICOS E

EPIDEMIOLÓGICOS

353 153

FO TO DE POLI NA T AN KI LEVIT CH DE PEXEL S

(2)

CORPORATIVISMO

Passados 41 dias do atentado contra o senador, a Polícia Civil de Sobral (CE) e a Secretaria de Segu-rança Pública do Estado não sabem quem atirou em Cid Gomes.

ELES SABEM

A Coluna solicitou informações da Civil e SSP cearense, sem respostas. Só falta a PF entrar num caso onde o que mais se tem é policial envolvido. E ninguém aponta o dedo.

NO ESCURINHO

Acontece no Recife: à noite, com menor policia-mento, ladrões invadem restaurantes e mercadi-nhos para roubar alimentos. No Centro, Boa Via-gem e Casa Forte.

ALÔ, DOUTOR!

A morte por infecção de coronavírus do prefeito de São José do Divino (PI), Antônio Felícia (PT), causou correria de políticos do Estado a hospi-tais. É que no fim de semana retrasado ele partici-pou de um evento em Caraúbas, e cumprimentou prefeitos, o senador Ciro Nogueira e a deputada federal Iracema Portela.

ALÍVIO, POR ORA

Até o fim do dia de segunda-feira, foram confir-mados negativos pelo menos os exames dos pre-feitos de Buriti dos Lopes, Murici dos Portelas e Caraúbas do Piauí.

CADÊ ?

A Rede Sarah, um dos mais ricos hospitais e de melhor infraestrutura do país, sumiu na crise do coronavírus. Há unidades gigantescas em Brasí-lia, Salvador, São Luís, Belo Horizonte, Fortale-za, Rio de Janeiro e Macapá. E com gordas verbas públicas.

CACIQUE NA MOITA

Mesmo em casa com coronavírus, o

ex-sena-dor Armando Monteiro Neto não esquece a política. Acredita que as eleições deste ano po-dem ser adiadas. Mas nunca aumentar manda-tos de prefeimanda-tos e vereadores por mais dois anos.

CASAL PROBLEMA

Veja a cara de pau dessa gente. Um elegante casal de advogados da high society de Curitiba voltou contaminado por coronavírus dos Estados Uni-dos. Cientes de que não poderiam ir para casa – pais idosos e filhos moram juntos – alugou um quarto de hotel na capital. Descobertos, foram expulsos e agora estão numa casa alugada pelo Airbnb.

SALDÃO NO SHOPPING

A direção da Ancar Ivanhoé, que possui 16 shop-pings (oito no Rio de Janeiro, sete em São Paulo e um em Brasília) operou forte com medo de calo-tes. Enviou com boa antecedência os boletos do aluguel das lojas, e mandou carta aos parceiros, à qual a Coluna teve acesso: Quem pagar antes do vencimento terá desconto de 50%. E o controla-dor promete cobrar aluguéis futuros em parcelas de até três vezes.

VOZ DO VAREJÃO

O Instituto para Desenvolvimento do Varejo, com 70 associados – os maiores varejistas do Brasil – engrossou o coro do mercado. Decidiu enviar carta com sugestões e pedidos de medi-das emergenciais para a economia. Os destina-tários são os governadores e o presidente Jair Bolsonaro.

TAMANHO DA CONTA

O medo da turma que responde por R$ 345 bi-lhões de faturamento por ano é a questão traba-lhista e fiscal. São 750 mil empregos diretos em 30 mil estabelecimentos e 200 grandes centros de distribuição que não podem parar, para abas-tecer a despensa do país.

COLUNA ESPLANADA

Faltam testes para detectar o novo coronavírus, em Montes Claros, em Minas e em todo o país. Em Montes Claros, a Secretaria Municipal de Saúde confirmou ontem que não há kits para exame que diagnostica a Covid-19 nos pacientes com suspeita da doença. O município tem 353 casos nessa situa-ção, sob investigasitua-ção, com nove deles internados.

O temor na cidade norte-mineira, segundo a secre-tária municipal de Saúde, Dulce Pimenta, é que essa dificuldade em confirmar casos de Covid-19 dificul-te a solicitação de aumento de hospital de campa-nha e outras ações de financiamento para o enfren-tamento da pandemia no município, que é referên-cia para a região em saúde e em várias outras áreas de atendimento.

Desde a semana passa-da, a Secretaria de Estado de Saúde anunciou que mudou os critérios de tes-tar a presença do novo co-ronavírus,passando aexa-minar, para confirmação, apenas pacientes graves, mortossobsuspeita,profis-sionais da saúde e da segu-rança e casos encaminha-dos pela Rede Sentinela.

Portanto,casoscomgra-vidade menor ou média devem ser diagnosticados

clinicamente,aindaqueal-guns deles necessitem de internação. Com isso, não só o Norte de Minas pode não conseguir confirmar a quantidade de infectados pelo novo coronavírus.

Em detrimento desta realidade, a recomendação da Organização Mundial de Saúde (OMS) é que se-jam testadas o maior número possível de pessoas, porque, entre outras coisas, isso permite que aque-las que forem testadas como positivas para Covi-de-19 possam ser isoladas do convívio, inclusive, com seus familiares.

Minas Gerais espera receber nos próximos dias 40 mil testes, dos 500 mil recebidos ontem pelo Ministério da Saúde, vindos da China. Mas, nem é preciso fazer contas, trata-se de número pequeno, tanto para o Estado quanto para o país. Diante de tudo isso, o ideal é que cada um tente se proteger, mantendo a higiene adequada das mãos, não colo-cando as mãos no rosto e, para quem puder, respei-tando o isolamento social.

EDITORIAL

Em Montes

Claros, segundo

a secretária

municipal de

Saúde, já não há

mais kits do

exame para

detectar o novo

coronavírus

reportagem@colunaesplanada.com.br

Republicanos presidenciais

Com Walmor Parente e Equipe DF, SP e Nordeste

As filiações do vereador Carlos Bolsonaro e do senador Flávio Bolsonaro ao Partido Republicanos, do prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, reforçaram rumores de que o presidente Jair Bolsonaro seguirá o caminho dos filhos. Não é o plano do Capitão. Forjado na caserna, estrategista nato, ele quer outra forte legenda aliada – seja o Aliança pelo Brasil (APB), que tenta fundar, ou um plano B, como o Patriota, se o APB não sair do papel. Os Bolsonaros não querem ficar reféns de uma sigla, e sim abrir trincheiras no campo de batalha com outras frentes.

Teste de Covid

está em falta

DE MINAS

O NORTE

EXPEDIENTE

O JORNAL QUE ESCREVE O QUE VOCÊ GOSTARIA DE DIZER

www.onorte.net Uma publicação da Indyugraf CNPJ 41.833.591/0001-65 Gerente Administrativo: Jota Dias (38) 98838-5604 direcao@onorte.net Editora: Janaina Fonseca Coordenação de redação: Adriana Queiroz (38) 98428-9079 Departamento Comercial: Rodrigo Cheiricatti (31) 3236-8001 (31) 98884-6999 (38) 3221-7215 comercial@onorte.net Relacionamento com o assinante: (31) 3236-8033

As criações intelectuais publicadas neste exemplar não podem ser utilizadas, reproduzidas, estocadas em banco de dados ou processo similar em qualquer forma ou meio mecânico, eletrônico, microfilmagem, fotocópia, gravação etc, sem autorização escrita dos titulares dos direitos autorais. Os textos das colunas assinadas não refletem, necessariamente, a opinião do jornal e são de inteira responsabilidade de seus autores.

Fale com a redação:

jornalismo@onorte.net

Telefone: (38) 3221-7215 Endereço:

Rua Justino Câmara, 03 - Centro Montes Claros/MG - f/jornalonorte

(3)

PRETO NO

BRANCO

Sem testes, MOC

desconhece quadro

real de contaminação

Montes Claros

Secretária de Saúde afirma que falta de

diagnósticos compromete combate

u

(30),com açãonoSTFsolicitandoaprorrogação,porO Partido Progressista ingressou, segunda-feira

30 dias, do prazo de filiação partidária. A data limite encerranestesábado(4).Aalegaçãoapresentadaéa pandemiadocoronavíruseasmedidasdedistancia-mentosocialimpostas,quedificultamamobilização para a busca de candidatos. Uma das dificuldades tem sido conseguir 30% de candidatas. Para a dire-ção doPP, o pedido não tem a pretensão de adiar as eleiçõesdeoutubro,masgarantiraformaçãodecha-pas na proporcional.

Coeficiente eleitoral

Prevendoaquedanonúmerodeeleitoresbiometri- zadosemMontesClaros,citamos,nosegundosemes- tredoanopassado,queocoeficienteeleitoralnomu-nicípiochegarianomáximoasetemil.Comadecisão da Justiça Eleitoral, em decorrência da Covid-19, de encerrar o trabalho de biometrização, permitindo que mesmo os eleitores não biometrizados possam votar, este número será alterado. A previsão é a de que fique entre 8 mil a 8.300 votos.

Rede social

Emtemposdecoronavírusedeeleiçãomunicipal,é deextremaimportância quea populaçãotome mais cuidadocompostagensnasredessociais.Oclimade antecipação do pleito eleitoral de 2022 fez com que, principalmenteoWhatsAppeoFacebookdeixassem deserumlocalconfiávelparabuscadeinformações. A sugestão éa de que procure pessoas e site confiá-veis. O mais importante é não repassar aquilo que não tenha certeza. No caso específico de postagem da classe política, é importante que analise o verda-deiro objetivo.

PV Saudações

Somentenasexta-feira(27)équeaComissãoProvi-sóriado PVde MontesClaros foi publicada peloTRE-MG. Conforme havia sido antecipado pela coluna, o médico Emerson Guimarães figura como presidente da agremiação. Ele, que já h algum tempo vem se apresentandocomopré-candidatoaprefeito,naprá-tica, tem buscado composição na disputa majoritá-ria. O mais provável é que busque uma vaga de vice.

Gil Pereira

ElogiávelaatitudedodeputadoestadualGilPerei-ra (PSD), que conseguiu junto a empresários 12,5 mil litrosdeálcool70%paraatenderosistemadesaúde de Montes Claros, incluindo hospitais, clínicas, UBSs eoutros.Ofatoéqueaclassepolítica,principalmen-te parlamentares, eoutros.Ofatoéqueaclassepolítica,principalmen-tem que se envolver mais. O que estamosassistindonapráticaéapenasaexploração política da pandemia coronavírus.

Cesta básica

A população carente do Norte de Minas vive a ex- pectativadequeprefeitospossamseespelharnade-cisão do prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), que está destinando R$ 20 milhões da receita do município para compra de cestas básicas. É fato que o valor por estas bandas seria de acordo com a realidade de cada prefeitura.

Prorrogação do prazo

NO ESCURO– “Não temos mais a possibilidade de exame para confirmar ou não os casos notificados”, diz Dulce Pimenta

Jornalista, articulista, analista político e empresarial Márcia Vieira

Repórter

Montes Claros não temmaistestesparade-tectar a Covid-19. A in- formaçãofoiconfirma-da pela Secretaria Mu-nicipal de Saúde em reunião do Comitê de Crise na manhã desta terça-feira.Nomomen-to da entrevista, o mu-nicípio contabilizava 447 notificações, sen-do que sete pacientes estavam internados e 81 haviam sido descar-tados por avaliação do quadro clínico ou por exames. Apenas 13 exa- meshaviamtestadone-gativo. Às 15h, um novo boletim apontava para 484 notificações, nove pacientes internados, 35 aguardando resulta-do de exame e 353 em investigação. A secretária munici-pal de Saúde, Dulce Pi-menta, afirmou que os novos critérios adota-dos pelo Estado para a realização de testes se devea alta demanda no únicolaboratóriodoEs-tado habiliúnicolaboratóriodoEs-tado para os testes, a Fundação Eze-quiel Dias (Funed), em Belo Horizonte, que es-taria sobrecarregada. Daía demora em forne-cer os resultados.

“Não temos mais a possibilidade de exame para confirmar ou não oscasosnotificados.Se-rão feitos exames ape-nas naqueles casos agravados, hospitaliza-dos ou óbito e profissio-nais de saúde que te-nham tido contato com pacientesinfectadosou suspeitos.Issodeixaasi-tuação de todo o Norte de Minas comprometi-da, já que não temos exames para confirma-ção e, com isso, é difícil fazermos até

solicita-ção de aumento de hospi-tal de campanha e outras ações de financiamento paraoenfrentamentodes-sa pandemia aqui no mu-nicípio”, disse Dulce.

Sem o financiamento, a situação pode se agra-var ainda mais e a reco-mendação é para manter o isolamento, sem previ-são de retorno às ativida-des, pois a elevação dos casos suspeitos acontece a todo instante.

Neste momento, as es-tratégias de combate, de acordo com a secretária, sãotraçadasapenas emci- madonúmerodenotifica-ções, sem clareza sobre a confirmaçãoou não de

ca-sos da Covid-19.

“Estamostentandohabi-litação de um laboratório ligado à Unimontes, cujos professores se prontifica-ram a trabalhar como vo-luntários e serão capacita-dos. Para isso, depende-mos de uma publicação doEstadoea Funedfaria a transferência de tecnolo-gia”, explicou a secretária.

LEITOS

Consultada sobre o nú-mero de leitos e exames disponíveis para o Norte de Minas, a Secretaria de Estado de Saúde infor-mou que “existem 116 lei-tos de UTI adulto distri-buídos em unidades hos-pitalares de Montes Cla-ros, Janaúba, Taiobeiras e Pirapora”.

Por meio de nota, a pas-ta informou ainda que , através da Resolução 7.070, de 25 de março de 2020, a SES-MG está re-passando R$ 2.842.678,80 para 23 hospitais sedia-dos em 18 municípios do Norte de Minas (Brasília deMinas, Bocaiuva, Cora-ção de Jesus, Francisco Sá,Janaúba, Januária,

Ita-c a r a m b i ,M a n g a , M o n t a l v â n i a , M o n t e Azul, Montes Claros, Pira-pora, Salinas, São Fran-cisco, São João da Ponte, São Romão, Taiobeiras e Urucuia), conforme O NORTE divulgou na edi-ção de ontem.

Os recursos, segundo a SES,sãodestinadosaocus-teio de ações de saúde ao enfrentamentoaocorona-vírus. As instituições con-templadas informaram ter potencial para amplia-ção ou instalaamplia-ção de leitos de UTI.

Quanto aos testes, a se-cretaria estadual infor-mou que estão sendo dis-ponibilizados 200 kits pa-ra todos os hospitais do Norte de Minas voltados para a coleta de amostras depacientesgravesquees- tejaminternadoscomsus-peita de terem contraído coronavírus.

Além dos pacientes em situação grave de saúde, a prioridade de coleta de amostras contempla os trabalhadores da saúde que apresentem sintomas da Covid-19.

Leia mais nas páginas 4 a 7

REPRODUÇÃO INTERNET Aldeci Xavier aldecixavier@gmail.com

As estratégias

de combate

são traçadas

em cima do

número de

notificações,

sem clareza

sobre a

confirmação

de casos

(4)

Teste rápido custará R$ 180

u

Kits só estarão disponíveis em laboratório da cidade a partir de 13 de abril

Funed irá ampliar exames de 200 para 1.800

Anderson Rocha

Do Hoje em Dia

O governador de Mi-nas Gerais, Romeu Zema (Novo), afirmou, na tarde desta terça-feira (31), que a Fundação Ezequiel Dias (Funed) vai dobrar a capacidade de realização deexames paradiagnósti-co da Covid-19, chegando a 400 testes já nesta quar-ta-feira (1). O gestor tam-bém declarou que Minas receberá cerca de 40 mil exames vindos do gover-no federal.

Asdeclaraçõesforamda-das pelo governador em entrevista à TV Globo Mi-nas. Segundo ele, a Funed passará dos 200 exames por dia atuais para 400 já nesta quarta-feira (1).

Oaumentonacapacida- defoipossívelapósamon-tagem de uma força-tare-fa da Secretaria de Estado daSaúde (SES).Zema afir-mouque onúmero subirá para 1.800 testes pro dia em “dois ou três dias”, tão logo a equipe de reforço, que foi treinada, esteja to-talmente alinhada.

Além disso, Zema disse que convocou

“laborató-rios privados para que eles também passem a fa-zer esses exames”.

PRIMEIRO LOTE

Outra informação dada pelo governador é sobre a chegada de exames vin-dos do exterior e compra-dos pelo Ministério da Saúde. Conforme Zema, dos 500 mil exames que desembarcaram no Bra-sil nesta terça-feira, apro-ximadamente 40 mil vi-rão para Minas Gerais.

É o primeiro lote de um total de 5 milhões de tes-tes que ainda serão

trazi-dos para o país. Os exa-mes serão distribuídos aos estados, de acordo com suas necessidades, pelo governo federal.

“Esteéumexamequees-tá em falta. Você consegue encontrá-lo no mercado, masporumvalorextrema-mente elevado. Neste mo-mento, nós estamos to-mando todas as medidas queestãoaonossoalcance parasanarmosesseproble-ma, que nós sabemos é seríssimo.Aspessoaspreci-sam saber se estão ou não contaminadas para ver o que é melhor fazer”, disse.

MINAS ‘MENOS PIOR’

A distribuição de exa-mes pelo governo federal seguirá, segundo Zema, critérios de necessidade. Ele relembrou que outras unidades da federação têm situação pior do que a de Minas quanto ao combate ao coronavírus e, portanto, receberão os itens com prioridade.

O governador citou os estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Ceará, além do Distrito Federal, ao di-zer que são locais que têm muito mais casos suspei-tos e pessoas

contamina-das do que Minas. “Eu posso dizer que a nossa situação, propor-cionalmente a outros es-tados, é, de certa manei-ra, até ‘menos pior’. Nós não estamos em situação defalar ‘melhor’, mas me-nos pior. Nós tomamos medidas preventivas, comantecedência,eosca-sos em Minas estão avan-çando numa velocidade m u i t o m e n o r d o q u e avançaram em outras re-giões do Brasil. E isso se deve muito a esse traba-lho, que iniciou aqui mais cedo”, afirmou. EXAMES– Há três tipos de teste para diagnosticar a Covid-19, mas há dificuldade na oferta deles

Márcia Vieira

Repórter

A t é m e s m o p a r a quem pode pagar é difí-cilconseguir fazerotes-te em Monfazerotes-tes Claros. Um dos laboratórios de referência da cidade só vaiterotesterápidodis-ponível a partir de 13 de abril. Para fazê-lo, será necessário desembol-sar R$ 180.

O biomédico Rilder Soares, assessor cientí-fico da empresa, expli-ca que há três tipos de testesnomercado.Afal- tadekitséograndepro-blema, porque são tes-tes de origem coreana, chinesaou indiana ees-tão retidos nestes paí-ses porque não têm co-mo ser transportados ao Brasil.

O mais eficaz é pela biologia molecular, que detecta três marcado-res específicos do vírus, com mais agilidade e

mostraoperíododeconta-todapessoa como vírus. A coletaéfeitapelaorofarin-ge ou nasofarincoletaéfeitapelaorofarin-ge e o pe-ríodo adequado para este exame ainda não foi defi-nido, mas habitualmente é realizado quando a

pes-soa já apresenta os princi-pais sintomas.

“Ele tem uma sensibili-dade muito alta e vai ser interpretado como positi-vo se os três marcadores forem encontrados. É um pouco mais caro, em

tor-no de R$ 280 para o consu-midor final”, explica

Umaalternativaéométo-do de quimioluminescên-cia, feito pela coleta do san-gue e com valor em torno deR$240.Assimcomoopri-meiro, é mais demorado. O

materialéencaminhadoao laboratório de referência em Belo Horizonte.

TESTE RÁPIDO

O teste imunocromato-gráfico, também conheci-do como teste conheci-do sabonete

ou teste rápido, é o que se-rá ofertado pelo laborató-rio em Montes Claros. Por meio dele é possível detec-tarovírusapóstrês diasde sintomatologiada doença. “É mais acessível e feito atravésdosangue.Colhen-do pela manhã o material, à tarde já é possível ter a interpretação do resulta-do. Nele, é possível ver co-mo a doença está atuando no organismo ou se o pa-ciente está na fase de recu-peração. É eficaz, mas tem que tercuidado comapro- cedência.Eletemíndiceal-to de falso positivo e falso negativo. Tem que ter um controledequalidadeajus-tado e fornecedores regu-larizados pela Anvisa”, alerta o biomédico.

A realização do teste se-rá feita com encaminha-mento médico e, no caso de positivo, o resultado é comunicado ao municí-p i o municí-p a r a a u x i l i a r n a quantificação dos casos e ações de combate.

(5)

ESPAÇO DO

EMPREENDEDOR

Voluntários levam

comida e orientação

sobre a Covid-19

Montes Claros

ARQUIVO PESSOAL

Projeto atende moradores de rua de MOC

u

vendoporcontadapandemiadocoronavírus,énormalEm um cenário de incertezas como o que estamos

vi-queo empreendedorsesinta atordoado, perdido.Mas, calma!Éhoradecontrolaraansiedadeeavaliarcomoo cenário atual impacta o seu negócio e como anda sua gestão. Antes de tomar qualquer atitude, é importante considerartodasasvariáveisenvolvidasemsuaativida- de,desdeocomportamentodoconsumidoratéasmedi-das que estão sendo tomade,desdeocomportamentodoconsumidoratéasmedi-das diariamente por gover-nos,instituiçõesfinanceiras,sindicatos,dentreoutras,e que afetam diretaou indiretamente o seu negócio.

É preciso diminuir a ansiedade, pois, por mais que seja um momento conturbado, de crise, o pânico não vai ajudar na tomada de decisões. Com mais calma, comecepensandooseguinte:qualéocontextodoseu negócio diante do atual cenário? É importante lem-brar que cada setor sente de formadiferente os refle-xosdapandemia.Então,aprimeiraperguntaquevocê deve se fazer é: quais os impactos desta situação no meu negócio? Esta análise é muito importante,pois é ela que vai orientar os planos a serem traçados para lidar com as adversidades.

Depoisdeavaliarocontextodoseunegócio,éhorade definirquaisaçõessãoimediatas,ouatémesmourgen-tes.Éprecisoagircomrapidezenãopostergardecisões importantes.Mas isso dever ser feito de formaracional eplanejada.Deummodogeral, emumplanoanticrise, oempreendedor deve priorizar algumas ações:

-Comuniqueaocliente qualé oposicionamento da empresafrente à crise.

-Acompanheocomportamentodoclientediaadia, paraavaliarseuplanejamentodeestoque.Tenhacau-tela para minimizar os riscos.

-Invistaoupotencializeasestratégiasdemarketing digital. Avalie a presença da sua empresa nas redes sociaise promova ações para alcançar seu público.

- Faça campanhas de vendas pelas redes sociais, mastambémofereçaconteúdosinteressantesalinha-dosaoseunegócio,levandoemcontaoperfiletemas de interesse dos seus clientes.

- Avalie implantar ou ampliar serviçosde delivery. -Verifiqueacapacidadedeestoqueedeatendimen-to, caso haja indicadores de aumento de demanda.

-Analisedequeformaconseguiráarcarcomoscus-tos do negócio, caso a expectativa seja de queda na demanda.

-Analiseoperfildasuaequipe,entendendoashabili-dadesdoscolaboradoreseoportunidadesdedelegar funções em situações de ociosidade, por exemplo.

Planejamento e gestão

REPAGINADA– Kombi agora leva, além da sopa, álcool em gel e informações sobre coronavírus

Christine Antonini

Repórter

No meio de uma pan-demiaqueparoua cida-de cida-de Montes Claros, a solidariedade da ONG Doadoria falou mais al-to e os trabalhos volun-tários continuam. O grupo foi além de servir a sopa para as pessoas em situação de rua. De-vido ao coronavírus, a Kombi que faz o trans-porte dos voluntários foiadaptadacomporta-álcoolemgele informa-tivos sobre a doença que já matou duas pes-soa em Minas.

Oprojetoda sopasoli-dária, desenvolvido pe-la ONG Doadoria, é rea-

lizadodesde2014,ofere-cendo o alimento todos os domingos para as pessoas em situação de rua. Para continuar com o trabalho duranteapandemia,osvo-luntários estão usando as medidas de proteção reco-mendadas pelo Ministério daSaúde,comoluvas,más-caras e álcool em gel, que também é oferecido para os moradores.

De acordo com o volun-tário Wiliam Borges, a ONG,além deservir asopa acompanhada com pão, fornece orientações sobre a pandemia e como evitar o contágio.

“Muitos deles não sa-bem o que está acontecen-do, o porquê das pessoas usarem máscaras nas ruas. Estamos explicando sobre o coronavírus e co-mo eles podem se preve-nir”, explica Wiliam, que é diretor do Colégio Indyu.

NUTRIENTES

Todos os domingos são feitas em média cem mar-mitas com sopa e pão. Wi-liam pontua que a sopa é rica em legumes e verdu-ras, com muita cebola e alho – ingredientes

funda-mentais para prevenir doenças, assim como a gri-pe. Em períodos de muito calor também é servido um suco feito de frutas na-turais. Antes da pande-mia, os itens eram doados por sacolões da cidade, mas, agora, os voluntários estão tendo que arcar com os gastos.

“A distribuição acontece a partir das 16h, em pontos estratégicos da cidade on-dehá mais pessoasem vul-nerabilidade social, como praça da Matriz, Rodoviá-ria, Mercado, hospitais e avenida Sanitária”, expli-ca Wiliam Borges.

Quem quiser contri-buir com o projeto deve ligar para (38) 98405-7523 ou acessar o site www.

doadoria.com. Analista do Sebrae Minas

Eric Dariolli

Quem quiser

contribuir com

o projeto deve

ligar para (38)

98405-7523 ou

acessar o site

www.doado-ria.com

(6)

Como agir fora de casa

Higienizar as mãos é a melhor medida preventiva, diz infectologista

u

O infectologista Estevão Urbano, presidente da Sociedade Mineira de Infectologia, explica que a máscara não tem indicação de ser usada por pessoas que não têm sintomas da Covid-19, a não ser que estejam a uma distância pequena de alguém suspeito de ter a doença. Não é recomendado sair de casa com o objeto, é

inadequado e perigoso, segundo o médico, porque a máscara vai se contaminando, às vezes, com outros vírus e ela pode ser mais prejudicial do que auxiliar.

Cada máscara só pode ser usada uma única vez e deve ser descartada logo em seguida. Se, ao retirar a máscara, o usuário toca a proteção sobre o rosto, corre o risco de se contaminar com partículas que se depositaram sobre o material (que está lá exatamente para bloquear o vírus). Uma vez nas mãos, o perigo é que o vírus acabe levado ao rosto. Por isso, é fundamental retirar a máscara pela parte de trás da cabeça, jogá-la imediatamente no lixo e higienizar as mãos logo em seguida.

Uso da máscara

PREVENÇÃO – Lavar com água e sabão ou higienizar com álcool em gel são as medidas primordiais para quem tem que sair de casa

u SAIBA MAIS Da Redação* Moedas e cédulas de dinheiro passam de m ã o e m m ã o p e l a s ruas e em comércios. Cartões de banco e do-c u m e n t o s p e s s o a i s tambémsãousados fre-quentemente por to-dos. Não se sabe ao cer-to quancer-to tempo o ví-rus que causa a Co-vid-19 sobrevive em su-perfícies, mas a orien-tação central para evi-tar contaminação é, após usar esses obje-tos, lavar as mãos com água e sabão ou usar ál-cool em gel 70% e evi-tar tocar nos olhos, bo-ca ou nariz.

“Não importa se o meio de pagamento é cartão ou dinheiro, o que importa é higieni-zar as mãos. Como não ficamos o tempo todo com eles nas mãos, ao pegar nessas coisas e em tudo que a gente compartilha, como ca-n e t a s , h i g i e ca-n i z e a s mãos”, explicou a infec-tologistaEliana Bicudo, da Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI).

Mesmo com a reco-mendação do Ministé-rio da Saúde de manter o isolamento social, al-gumas pessoas ainda precisam frequentar mercados e farmácias embuscadeitensessen-ciais ou mesmo estabe-lecimentos de saúde.

De acordo com Elia-na, quando saímos de casa, o importante é manter um distancia-mento de pelo menos um metro entre as pes-soas. “Pode fazer seu supermercado, suas compras, tocar nos

ob-jetos, mas ficar atento pa-ra não levar as mãos à bo-ca. Assim que acabar, hi-gienize as mãos dentro do possível, sempre que pu-der”, ressaltou.

RESISTÊNCIA

Estudos apontam que os coronavírus (incluin-do informações prelimi-nares sobre o que causa a Covid-19) podem persis-tir nas superfícies por al-gumas horas ou até vá-rios dias. Isso pode

va-riar, por exemplo, confor-me o tipo de superfície, temperatura ou umidade do ambiente.

“O tempo pode variar de material para material. A gente sabe que pode estar até três dias em metal e no plástico, no tecido em me-nor tempo. Único lugar quese temcertezaque não sobrevive é no cobre. Por isso, quando estiver em lo-jas, evite colocar a mão nas mesas e nos balcões”, explicou a infectologista.

Na dúvida, higienizar as mãos é a melhor medida preventiva, bem como lim- paredesinfetarobjetosesu-perfícies tocados com fre-quência, como celulares.

A transmissão do coro-navírus ocorre de pessoa a pessoa por meio de gotícu-las exaladas pela pessoa doentequandoelafala,tos-se ou espirra. Quando a pessoa doente toca em ob-jetosou apertaamãodeal-guém e esta coloca a mão na boca, nariz ou olhos, tambémocorreainfecção. A SBI esclarece que ain-da nãose sabe com certeza o papel da pessoa sem sin-tomas na cadeia de trans-missão e recomenda não cumprimentar ninguém com as mãos.

*Com Agência Brasil

RIVA MOREIRA/HOJE EM DIA

Na dúvida, higienizar as mãos é a

melhor medida preventiva, bem

como limpar e desinfetar objetos

e superfícies tocados com

(7)

Lembre-se, vai passar!

Variedades

Psicólogo Worney Brito dá dicas para quem está em isolamento social

u

CONSELHO DE PSICÓLOGO – Evite se prender aos vários noticiários e busque atividades prazerosas durante o dia para fazer uma higiene mental

Adriana Queiroz

Repórter

Estarmos bem com a nossa saúde mental é prioridadenessesdias.E maisdoquenunca,ého- radeajustarnossasemo-ções nesse cenário nun-ca antes experimenta- do.Equantomaisconhe- cimento,maisferramen-tas para nosso equilí-brio e bem-estar. Hoje nosso bate-papoé como psicólogo montes-cla-rense Worney Ferreira de Brito que vai dar di-cas que podem ajudar a manter a saúde mental. Worney é formado em Psicologia pela Fasi. Psicólogo clínico e con-sultor organizacional e educacional, além de professor de Psicologia. Tem mestrado em Cui-dado Primário em Saú-de e especializações nas áreasdeGêneroeSexua- lidade,PsicologiaEduca-cional e um MBA em Marketing e Gestão de Pessoas.

Que recado você dá aos norte-mineiros que estão, como outras pes-soas no mundo, viven-do isolamento social e ansiososcomessasitua-ção?

A principal questão é lembrar que “vai pas-sar”. A ansiedade é co-mum, episódios depres- sivoseoutrasmanifesta-ções também podem ocorrer, pois cada pes-soa tem um funciona- mentoespecífico,eama-neira de o próprio sujei-to tentar se adaptar a es- sanovarealidadeéidios-sincrática. Cada pessoa ou família deve

procu-rar atividades agradáveis e construtivas para enfren-tar de maneira mais ade-quada essa situação.

Como a psicologia pode nosajudar a manter a saú-de mental?

Por sermos seres gre-gários, estamos acostuma-doscomoconvívioem gru-pos.Então,oconfinamento acabafazendocomquenos sintamos limitados, tolhi-dos em nossa liberdade, fa-zendo com que nos sinta- mos,decertaforma,incapa-zes, pois não conseguimos exercer a nossa autonomia de forma plena. Devemos promoverahigienemental do mesmo modo que faze- moscomanossasaúdecor-poral.

Quais são os efeitos

psi-cológicos do distancia- mentosocialedeumaqua-rentena? Isso impacta mais as pessoas idosas?

O impacto não necessa-riamente é maior nas pes-soas idosas. No entanto, existe uma inadaptação as-severada por certa dificul-dade deles em lidar com mudanças.Issoincluiacon-fusão entre o respeito e o cuidado dos familiares pa-ra com eles. Os efeitos papa-ra quaisquer outras pessoas tambémpodemsercompli-cados, dependendo da ma-neira com que essas pes-soas lidam consigo

pró-priasecomoestado desoli-dão em si.

Como manter a sanida-de em tempos sanida-de pansanida-de- pande-mia?

Devemos nos atentar ao fato de que não estamos abandonadosoupresospa-ra sempre: é uma questão passageira. O que a ciência eosórgãosdesaúde,princi-palmente a OMS, apresen-tam é o que deve ser segui-do, eles sabem do que estão falando. E não podemos fi-car focados em um grande número de notícias: uma das dicas é assistir ao

noti-ciário uma ou duas vezes por dia. O restante do tem-podeveser aproveitado pa-ra se fazer algo ppa-razeroso ou mesmo formativo, caso seja possível.

Muitas pessoas estão vendo eventos culturais sendocancelados,cancela-mento de festas de aniver-sário e casamentos. Como superar essa frustração?

Precisamos nos lembrar de que a frustração faz par-te da vida. É vendido a nós que devemos ser felizes du-rante todo o tempo, mas is- soéumainverdade.Nósva- mosconstruindoanossafe-licidade no dia a dia, nos momentos felizes. No en- tanto,saberlidarcomaper-daéalgofundamentalpara uma boa saúde mental. A compreensão de que

esta-mos nos privando de algo pontual em busca de um bem maiorpara todos deve seramelhormaneiradeen-cararmos a situação. Na maioria desses eventos, o que está acontecendo é um adiamento. Portanto, é im-portante que trabalhemos a nossa inteligência emo-cional a fim de compreen-dermos a necessidade des-se novo funcionamento.

E seus alunos do curso de Psicologia. O que tem feitoparamotivá-los?Ena clínica?

Nas faculdades onde tra-balho, bem como na maio-ria das instituições, tem-se utilizado a educação remo-ta, através das tecnologias deinformaçãoecomunica- ção,eoregimedehomeoffi- ce.Temsidoumaprendiza-do para toce.Temsidoumaprendiza-dos nós, e temos tidoresultadosmuitobons. NocasoespecíficodaPsico- logia,comoprecisamostra-balhardeformaadaptativa comos sujeitos que atende-mos e, obviamente, conos- co,vamosfazendoumexer-cício pessoal e profissional no sentido de percebermos quaissãoasnossasansieda-des, limitações e desejos.

Naclínica,estamostraba-lhando com atendimento on-line. Muitas pessoas es-tão se adaptando a este no- vomodelo.Nocotidiano,te-mos oferecido maior opor- tunidadeàspessoasdecon-versarem a respeito deste assunto. A troca de ideias sobre a maneira com que cada um está lidando com o período de quarentena tem sido muito rica, ofere-cendo a todos maiores pos-sibilidades de enfrentar es-ta questão, com respeito à própria personalidade e suas limitações.

DIVULGAÇÃO

Devemos nos atentar ao fato de

que não estamos abandonados

ou presos para sempre: é uma

questão passageira

(8)

Isenção de taxa do Enem

começa em 6 de abril

Inscrições acontecem de 11 a 22 de maio, para versão impressa e digital

u

Da Redação*

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divul-gou nesta terça-feira (31) os editais das ver-sões impressa e digital do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020. O período de ins-crição será de 11 a 22 de maio.

Oparticipantequeop- tarporfazeroEnemim-presso não poderá se inscrever na edição di-gital e, após concluir o processo,nãopoderáal-terar sua opção.

De acordo com o cro-n o g r a m a , o E cro-n e m 2020 impresso será aplicado em 1º e 8 de no-vembro. Os editais fo-ram publicados no Diá-rio Oficial da União desta terça-feira e tam-bém estão disponíveis na página do Enem. Os participantes que opta-rem por realizar a ver-são digital do exame fa-rão as provas nos dias 11 e 18 de outubro.

A autarquia vincula- daaoMinistériodaEdu-cação também infor-mou que, a partir do dia 6 de abril, os estudantes poderãofazer asolicita-ção de isenasolicita-ção da taxa de inscrição do exame. Os requerimentos e as justificativas de au-sência na edição ante-riordevemserfeitas pe-la internet, na Página do Participante, com acesso pelo computa-dor ou celular.

ISENÇÃO

Pode solicitar a isenção da taxa quem está cursan-do a última série cursan-do ensino médio,em 2020,emescola da rede pública declarada ao Censo Escolar; quem cursou todo o ensino mé-dio em escola da rede pú- blicaoucomobolsistainte-gral na rede privada, além de ter renda, por pessoa, igual ou menor que um sa-lário mínimo e meio, e quem está em situação de v u l n e r a b i l i d a d e socioeconômica por ser membro de família de bai-xa renda, devendo infor-mar o número de identifi-cação social (NIS), único e válido, além de ter renda familiar por pessoa de até meio salário mínimo ou renda familiar mensal de até três salários mínimos. Os participantes que so-l i c i t a r a m i s e n ç ã o e m 2019, não realizaram os dois dias de prova e que-rem solicitar nova isenção para 2020, devem fazer a justificativa de ausência. O resultado dos pedidos deve ser divulgado em 24 de abril. Entre 27 de abril e 1º de maio será aberto pra-zo para apresentação de recursos e os resultados fi-nais estarão disponíveis em7 de maio.As regras va-lem para a versão impres-sa e digital.

O Inep ressalta que a aprovação da justificativa de ausência no Enem 2019 e da solicitação de isenção da taxa de inscrição não significa que a inscrição foi realizada. Portanto, os participantesdeverão acessar o Sistema Enem e

se inscrever para esta edi-ção do exame.

INSCRIÇÕES

Neste ano, será obriga-tória a inclusão de foto atual do participante no sistema de inscrição, que deverá ser utilizada para procedimento de identifi-cação no momento da prova. O valor da taxa de inscrição permaneceu o

m e s m o d a e d i ç ã o d e 2019: R$ 85, que deverá ser pago até 28 de maio.

De acordo com o Inep, a estrutura do exame não foi alterada e será manti-da a aplicação de quatro provas objetivas, consti-tuídas por 45 questões ca-da, e uma redação em lín-gua portuguesa. Durante o processo de inscrição, o participante deverá

sele-cionar uma opção de lín-gua estrangeira – inglês ou espanhol.

ACESSIBILIDADE

A Política de Acessibili-dade e Inclusão do Inep vi-sa dar atendimento espe-cializado aos participan-tes que necessitarem. Para facilitar a compreensão no momento da inscrição, os atendimentos específi-cos (gestantes, lactantes, idosos e estudantes em classehospitalar)foramin-cluídos na denominação “especializado”.

As solicitações para es-ses atendimentos tam-bém deverão ser feitas

en-tre 11 e 22 de maio. Os re-sultados serão divulga-dos em 29 de maio. Para os pedidos que forem ne-gados, está prevista uma fase para apresentação de recursos. O resultado final estará disponível no dia 10 de junho.

Os pedidos de tratamen-to por nome social serão feitos entre 25 e 29 de maio, com previsão de di-vulgação dos resultados em 5 de junho. O período para apresentação de re-cursos será entre 8 e 12 de junho e a disponibilização dosresultadosfinaisem 18 de junho.

*Com Agência Brasil

PROVAS– O Enem impresso será aplicado em 1º e 8 de novembro; já o digital do será em 11 e 18 de outubro.

MARCELLO CASAL JR/AGÊNCIA BRASIL

O processo de inscrição do Enem

Digital é o mesmo da versão

impressa. Serão disponibilizadas

100 mil inscrições para esse

tipo de prova

(9)

Presidente do Cruzeiro

está com coronavírus

Esportes

Resultado do teste feito por Dalai Rocha deu positivo e foi divulgado ontem

u

COVID-19– Presidente em exercício do Cruzeiro, Dalai Rocha, de 81 anos, fez um teste que deu positivo para o novo coronavírus Guilherme Piu @guilhermepiu Alexandre Simões @oalexsimoes O presidente interi-no do Cruzeiro é mais um dirigente no fute-bol brasileiro contami-nado com o novo coro-navírus. A confirma-ção da infecconfirma-ção de José D a l a i R o c h a , d e 8 1 anos, foi feita ontem nas redes sociais do jor-nalista Fernando Ro-cha, filho do dirigente cruzeirense.

“A luta contra a #CO-VID-19 é diária. Hoje saiuoresultadodeposi- tivoparaoexamedeco-ronavírus do meu pai, Dalai Rocha. Graças a Deus ele está em casa, bem. O remédio é: cal-ma, reclusão e muita fé de que vai dar tudo cer-to. Conto com a torcida detodos.Fiquememca-sa”, publicou Fernando Rocha em sua conta particular no Twitter.

Dalai é mais um diri-gente do Cruzeiro tes-tado positivo com o co-ronavírus. Antes do presidente interino, outros membros da di-retoria celeste já ha-viam manifestado a doença: Alexandre Fa-ria e Sandro González, ambos do Conselho Gestor cruzeirense.

Gonzálezfoioprimei-ro a ter confirmado o d i a g n ó s t i c o d e C o -vid-19, e, por isso, os de-mais integrantes do Conselho Gestor

fica-ram em alerta, inclusive trabalhando de casa em quarentena.

Recentemente houve uma situação que tam-bém havia colocado com-ponentes da cúpula estre-lada em estado de aten-ção. É que o governador

de Minas Gerais, Romeu Zema (Partido Novo), teve contato com um empresá-rio que foi diagnosticado com coronavírus. O chefe de Estado mineiro se reu-niu com dirigentes da Ra-posa após esse contato com o infectado, o que

co-locou todos os presentes ao encontro em quarente-na. Zema, no fim das con-tas, informou que seu tes-te para Covid-19 havia da-do negativo.

A reportagem do Hoje

em Dia entrou em contato

com o Cruzeiro, que infor-mou sobre a situação mé-dica dos integrantes da di-retoria do clube.

“O Cruzeiro informa queopresidenteemexercí-cio, José Dalai Rocha, teve resultado positivo para a Covid-19, o novo corona-vírus. Outro integrante do Conselho Gestor, Alexan-dre Faria, também teve o

testeconfirmado.Salienta-mos que os dois estão com um bom quadro de saúde e estão se recuperando bem, em casa, em isola-mento. O presidente em exercícioDalaiRochajáes-tava em quarentena desde o dia 17 de março e vem

de-liberando e resolvendo as questões do Cruzeiro de sua residência. Assim co-mo Alexandre Faria, que também vem atuando no Conselho Gestor através dehomeoffice”,disseoclu-beem notaenviada ao HD.

VINNICIUS SILVA/CRUZEIRO

Os funcionários, incluindo

jogadores e comissão técnica, do

Cruzeiro começam a partir de hoje

as férias coletivas, com previsão

inicial de retorno aos trabalhos

daqui a 20 dias; o período poderá

ser prorrogado por mais dez dias

(10)

Fazer aniversário é sempre uma ale-gria, ainda mais quando é uma idade especial, como os 90 anos! Para feste- jaradata,aqueridaTerezinhaFigueire-do Rosa, mãe da minha grande amiga Edmara Rosa, realizou uma confrater-nização estritamente familiar na Casa do Rotariano,no bairro Ibituruna. Mui-to feliz, ela recebeu a família para um delicioso jantar, assinado por Sandra Buffet,eanimaçãodaduplaÉrika&La-rissa. Parabéns, Terezinha! Só temos queagradeceraDeuspelasuavida,afi-nal, são nove décadas de aprendizado, lições de vida, sorrisos, alegrias, mo-mentos felizes e inesquecíveis. Receba o nosso abraço e desejos de felicida-des. Fotos: Arquivo de família.

Terezinha Figueiredo Rosa comemora 90 anos

Terezinha coroando a imagem de N. Sra. de Fátima com as terciárias dos Arautos do Evangelho, dona Nide, dona Valdenice e dona Alessandra A aniversariante Terezinha Figueiredo Rosa

Com os genros Belarmino Felício, Chicão Freitas e Manoel Argolo Terezinha com o cunhado França Rosa e o filho Edmar Figueiredo Rosa A dupla musical Erika e Larissa, que animou a noite

A aniversariante e as filhas Neuza, Edmara e Eliana

Aniversariante com netos e bisnetos: Leandro, Larissa, Thaís, Mardey, Patrícia, Caio, Aquyles e Thayla. Na frente: Sofia e Marina

Trezinha com as netas Thaís, Rose (esposa do neto Mardey), Patrícia e Larissa

a melhor notícia está no ar

sintonize 104.9

música, informação e entrevistas

Referências

Documentos relacionados

Haverá repasse de recursos do Plano Pleno (plano dos ativos, que tem participação da Sabesp) para constituição de reservas legais, visando à redução das tabelas dos futuros

1301 Desenvolvimento de um Site para a Extensão Santo Ângelo oral Aceito com.. aldeia indígena Tekoa Koenju

Em 2004, oito professores formadores estão começando a cursar as disciplinas do mestrado em Ensino em Biociências e Saúde (IOC/ Fiocruz), dando continuidade ao seu processo de

Decoração

Imagem e texto, por exemplo, podem se complementar como uma “soma de duas metades”, em que nem o verbal nem o visual possuem independência semântica; podem,

Governo da infância e ontologia polí- tica do devir deficiente: implicações para a educação.. Disponível

Como parte disso foram abordados os seguintes objetivos específicos: caracterização do resíduo agroindustrial; avaliação do método químico e térmico para a produção de

As fases de maior crescimento ocorreram no início dos anos 90 (primeiros centros fora das áreas urbanas, salientando-se o Cascaishopping pela sua localização e