• Nenhum resultado encontrado

Tendências no Brasil e América Latina. Workshop Rio Eduardo Tude

N/A
N/A
Protected

Academic year: 2021

Share "Tendências no Brasil e América Latina. Workshop Rio Eduardo Tude"

Copied!
14
0
0

Texto

(1)

Tendências no Brasil e América Latina

Workshop Rio

(2)

Principais transformações do mercado Brasileiro

2

De Voz para Dados

Pré para pós-pago

3G para 4G.

Operadoras competitivas na BL fixa

IoT e MVNO

Transformações do

mercado colocam

novos desafios para

(3)

Dados já é a principal fonte de receita das operadoras

A queda nas receitas de voz vem acompanhada da oferta de planos de chamadas ilimitadas.

3

(4)

Migração do pré para o pós-pago

A base de pré-pagos do Brasil, que chegou a ser 213 milhões em 2014, foi reduzida a 152 milhões

em novembro de 2017.

(5)

4G supera 3G no Brasil

Disponível em 3.716 municípios para 92% da população.

A disputa agora é no 4,5G.

5G deve chegar ao Brasil em 2021 ou 2022.

(6)

Operadoras Competitivas crescem na BL Fixa

• As operadoras competitivas foram as responsáveis por 78% das adições líquidas de BL fixa no Brasil no

acumulado do ano até novembro de 2017.

(7)

Cadeia de Valor – Principais empresas competitivas

Novos entrantes

7

Cobertura nacional Sul/ Sudeste Norte/Nordeste, C. Oeste: Provedoras de TV a cabo Provedoras com 4G

Provedora por satélite Pequenos provedores

Conexão

Internacional Transporte e redes metropolitanas

Serviços para Cliente Corporativo e Governo Acesso ao Cliente Residencial e PME Monet Abrangência Nacional Regionais

(8)

IoT e MVNO

Celulares de MVNOs cresceram 40% em 2017.

O crescimento das soluções de IoT e das MVNOs exigem maior flexibilidade das redes.

8

(9)

Telecom é o principal

“enabler” da

transformação digital

das empresas

9

A transformação digital das empresas implica em

Trabalho e colaboração suportados pela nuvem Experiência digital do cliente

Conectividade centralizada, ágil e escalável

Crescimento do consumo de dados Mover estes dados para a nuvem

(10)

Transformação digital da AT&T

(11)

Pilares da Transformação Digital das Operadoras

11

Transformação

digital das Redes

Redefinir a

experiencia do

cliente

Oferecer

serviços além da

conectividade

Mudança

cultural

(12)

Transformação digital das redes das prestadoras

12

NFV

• Virtualização das funções da rede

• Funções executadas por hardwares dedicados passam a ser executadas por software em servidores padrão na nuvem.

SDN

• Redes definidas por software

• Passa a ser possível programar diretamente, orquestrar, controlar e gerenciar os recursos virtualizados da rede

• Facilita o projeto, entrega e operação de serviços de rede de forma dinâmica e maneira escalonável.

BIG DATA

AI

• Com SDN cresce vertiginosamente a quantidade de dados disponíveis

• O uso de técnicas de BIG Data e Inteligência Artificial permite a otimização e automação de processos de gestão da rede, de relacionamento com o usuário (apps, chatboots) e de implantação de novos serviços reduzindo custos e aumentando a agilidade da prestadora.

(13)

SNFV/SDN na América Latina

“62% dos operadores estão desenvolvendo estratégias concretas de

transformação digital.”

“31% já haviam iniciado os investimentos em NFV/SDN em 2016.

“Outros 42% iriam iniciar em 2017/2018.”

É o que pensam os que responderam enquetes da Telesemana em 2017.

(14)

Estratégias de redes NFV baseadas em Open Source

Obrigado!

www.teleco.com.br

14

Esta workshop oferece visões e oportunidades de

discussão sobre estratégias de virtualização que já

vem sendo adotadas em mercados maduros.

Referências

Documentos relacionados

Figura 38 – Acompanhamento diário de peso dos animais tratados com ENSJ39 via oral e intraperitoneal, LE39 e LBR via intraperitoneal para avaliação da toxicidade aguda.. Dados

 Caminho simples que contém todas as arestas do grafo (e,. consequentemente, todos os

Assim, em continuidade ao estudo dos mecanismos envolvidos na morte celular induzida pelos flavonóides, foi avaliada a exposição da fosfatidil serina na membrana das células HepG2

Desde então, vários autores deram o seu contributo, uns convergindo outros divergindo, contudo, apesar de mais de 20 anos de discurso académico e de gestão sobre o

O tema proposto neste estudo “O exercício da advocacia e o crime de lavagem de dinheiro: responsabilização dos advogados pelo recebimento de honorários advocatícios maculados

No sentido de reverter tal situação, a realização deste trabalho elaborado na disciplina de Prática enquanto Componente Curricular V (PeCC V), buscou proporcionar as

Os casos não previstos neste regulamento serão resolvidos em primeira instância pela coorde- nação do Prêmio Morena de Criação Publicitária e, em segunda instância, pelo

Posteriormente, em Junho de 1999, ingressei no grupo Efacec, onde fui responsável pela elaboração de projetos e propostas para a construção de Estações de Tratamento