Top PDF O Complexo Vegetacional da Zona Litorânea no Ceará: Pecém, São Gonçalo do Amarante.

O Complexo Vegetacional da Zona Litorânea no Ceará: Pecém, São Gonçalo do Amarante.

O Complexo Vegetacional da Zona Litorânea no Ceará: Pecém, São Gonçalo do Amarante.

(O Complexo Vegetacional da Zona Litorânea no Ceará: Pecém, São Gonçalo do Amarante). O Litoral Setentrional do Nordeste (LSN) por sua localização geográfi ca apresenta clima mais quente e seco do que na costa leste do Brasil. Por sua proximidade com a caatinga e o cerrado, o LSN permite a co-existência de espécies destes Domínios con- juntamente com espécies de restinga, em diferentes formações, constituindo um Complexo Vegetacional. Apesar da grande importância ecológica e botânica deste ecótono, existem poucos estudos sobre a fl ora regional. O objetivo deste trabalho foi aprofundar o conhecimento sobre a composição fl orística e fi tossociológica da região. Para isso, fi zemos um levantamento fl orístico na área (entre 2007–2011), bem como consultas a registros de herbário na região e um levantamento fi tossociológico em um trecho da fl oresta estacional semidecídua costeira (mata de tabuleiro). Foram inventariadas 382 espécies vegetais, pertencentes a 96 famílias. Na parcela fi tossociológica (0,32 ha) foram registrados 2.970 indivíduos de 52 espécies, sendo as mais abundantes as arbóreas Manilkara trifl ora, Chamaecrista ensiformis e Guapira nitida e as arbustivas Cordiera sessilis e Maytenus erythroxyla (altura média 3,8 m, diâmetro médio 6,2 cm, área basal 39,28 m²/ha). A fl ora local inclui elementos fl orísticos de caatinga, cerrado e restinga, sugerindo que a comunidade vegetal na região costeira do Ceará possui natureza ecotonal.
Mostrar mais

17 Ler mais

Avaliação da qualidade do ar na cidade de São Gonçalo do Amarante sob influência do complexo industrial do Pecém/Ceará / Air quality assessment in the São Gonçalo do Amarante city under the influence of Pecém/Ceará industrial complex

Avaliação da qualidade do ar na cidade de São Gonçalo do Amarante sob influência do complexo industrial do Pecém/Ceará / Air quality assessment in the São Gonçalo do Amarante city under the influence of Pecém/Ceará industrial complex

The burning of fossil fuels and industrial activities are mainly responsible for the emission of air pollutants. These pollutants are increasingly associated with negative effects on human health. This work aimed to assess air quality in São Gonçalo do Amarante city, State of Ceará, which owns 46.8% of its territory in the area of the Pecém Industrial Complex (CIP). Experimentally, samples were carried out between october and december 2015 for the parameters: total suspended particulate (TSP), NO 2 , SO 2 , O 3 and heavy metals (Fe, Ni, Cu and Pb) using large volume samplers (64 m 3 /h)
Mostrar mais

14 Ler mais

A COMUNIDADE PESQUEIRA DE SÃO GONÇALO DO AMARANTE (CEARÁ) E SUA RELAÇÃO COM O TERMINAL PORTUÁRIO DO PECÉM

A COMUNIDADE PESQUEIRA DE SÃO GONÇALO DO AMARANTE (CEARÁ) E SUA RELAÇÃO COM O TERMINAL PORTUÁRIO DO PECÉM

Montenegro-Júnior (2004) afirma que a zona costeira não é apenas a faixa de transição entre o con- tinente e o oceano e sim um pólo onde se acentuam os conflitos de uso, se aceleram as perdas de recursos e se verificam os principais impactos por influência an- trópica. Seguindo este mesmo raciocínio, Araújo et al. (2009) consideram um exemplo de fator impactante proveniente de ação do homem a construção do Terminal Portuário do Pecém (TPP), em São Gonçalo do Amarante, no litoral oeste do Estado do Ceará. Por outro lado, não há como negar que o TPP repre- senta um empreendimento que possibilita um eficaz escoamento da produção cearense para a Comunidade Européia e os Estados Unidos por se encontrar em uma posição geográfica privilegiada. Além da ge- ração de emprego e renda, incrementa o comercio e a infraestrutura para outros grandes investimentos como nas usinas siderúrgica e termoelétrica.
Mostrar mais

8 Ler mais

Análise diferencialestrutural dos municípios de Caucaia e São Gonçalo do Amarante com foco na implantação do complexo industrial  portuário do Pecém

Análise diferencialestrutural dos municípios de Caucaia e São Gonçalo do Amarante com foco na implantação do complexo industrial portuário do Pecém

Eusébio pertence à Região Metropolitana de Fortaleza e é o município de maior renda per capita do Estado, em 2006 foi de R$ 16.630,00, originada de um PIB a pm de R$ 660,151milhões e de uma população pequena de 39.697 habitantes. Conta com um parque industrial diversificado, onde se destacam: Produtos Alimentares (uma das maiores indústrias alimentícias/massas e biscoitos); matérias plásticas, química, produtos minerais não- metálicos, metalúrgica e outros. Sua economia vem crescendo em função da instalação de novas unidades fabris, isto é percebido no período em estudo, 2002 a 2006. Pode-se dizer que Eusébio é um dos municípios que mais tem se desenvolvido no Ceará nos últimos anos. Pelo lado do Valor Adicionado, as indústrias de Transformação; Construção Civil e Comércio mais que dobraram os valores de 2002 a 2006. Segundo a Associação das Imobiliárias, Eusébio está entre as áreas mais valorizadas, sobretudo para moradia, grandes condomínios que estão se instalando no município. Esse comportamento pode estar ligado ao fato de ser Eusébio uma continuidade de Fortaleza, pelo lado de expansão imobiliária.
Mostrar mais

76 Ler mais

Complexo Industrial e Portuário do Pecém, Município de São Gonçalo do Amarante, CearáBrasil: considerações em torno de sua avaliação ambiental estratégica

Complexo Industrial e Portuário do Pecém, Município de São Gonçalo do Amarante, CearáBrasil: considerações em torno de sua avaliação ambiental estratégica

This scientiic communication aims at contextualize the Strategic Environmental Assessment as a key tool in the process of sustainable development, from its use in the Industrial and Port Compound of Pecém, whose implementation has brought about outstanding impacts on the environment where it is located, namely the coastal zone of Caucaia and São Gonçalo do Amarante counties, Ceará State, northeast Brazil. The motivation of the study lies in the need for design and knowledge of the impacts as essential requirements for its consolidation and other relevant public policies to thew activity with a view to preserving the environment and the local coastal culture. Thus, we intend to analyze the SEA of Pecém, based on the guidelines of the Ministry of Environment (MMA) whose study at irst starts with a survey of the actions related to environmental issues since the implementation of that outpost which are being enforced, by confronting them with the SEA of Pecém and the MMA guidelines. From the analysis of the observed questions, there arises the need for strategic planning development meant to to establish improving actions to improve the environmental management ensuring the sustainability of the environment in the Port and Industrial Compound of Pecém.
Mostrar mais

8 Ler mais

Fenofase reprodutiva da Cordiera sessilis (Vell.) Kuntze no Complexo Vegetacional da Zona Litorânea / Reproductive phenophase of Cordiera sessilis (Vell.) Kuntze in the Vegetation Complex of the Coastal Zone

Fenofase reprodutiva da Cordiera sessilis (Vell.) Kuntze no Complexo Vegetacional da Zona Litorânea / Reproductive phenophase of Cordiera sessilis (Vell.) Kuntze in the Vegetation Complex of the Coastal Zone

The Brazilian coast is home to great plant biodiversity, with emphasis on the vegetation of Restinga, which has been suffering serious environmental impacts due to real estate speculation. As a result, phenological studies are necessary to better understand native vegetation, providing support for the conservation and preservation of this ecosystem. The canela-de-veado (Cordiera sessilis (Vell.) Kuntze) is a shrub native to Ceará Restinga that has berry-type fruits with a purple color. In this context, this research aimed to characterize the reproductive phenophase of Cordiera sessilis in the Vegetation Complex of the Coastal Zone, aiming at defining the ideal harvest point and estimating production. In the Botanical Garden of São Gonçalo, São Gonçalo do Amarante-CE, ten specimens of the species were selected, being marked and monitored fortnightly, from August/2017 to July/2018, recording the phenophases of floral bud, fruiting and fruit ripening. Anthesis occurred 20 days after marking (DAM) of the floral bud and fruiting lasted for 126 days after anthesis (DAA). Only 4.25% of flower buds managed to reach the formation of the fruit, the remainder suffered an abortion. It’s concluded that the ideal point of harvest of the fruit is at stage 4 (S 4 ) of maturation,
Mostrar mais

12 Ler mais

Expansão metropolitana de Fortaleza e a produção do espaço de Pecém  São Gonçalo do Amarante  CE

Expansão metropolitana de Fortaleza e a produção do espaço de Pecém São Gonçalo do Amarante CE

Nas duas últimas décadas, o Ceará passa por transformações socioespaciais provocadas por estratégias do Estado para modernizar sua estrutura produtiva e se inserir cada vez mais no mercado global. Os investimentos se concentram em três eixos: turismo, agronegócio e indústria. A partir desta estratégia do Estado foram instalados em Pecém, distrito de São Gonçalo do Amarante, município integrante da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), um porto e um complexo industrial, que induziram a expansão da metrópole para a zona oeste da RMF. O citado distrito tem apresentado transformações significativas, característica dos espaços inseridos na dinâmica metropolitana. Neste contexto, o objetivo da pesquisa foi analisar as transformações na estrutura urbana de Pecém, considerando os diferentes agentes que atuam na produção do espaço. Foi realizada uma periodização para auxiliar a identificação dos processos e seus desdobramentos no espaço do citado distrito. Foram identificados três períodos: fase anterior à construção do porto (1950 - 2000), onde Pecém era uma vila de pescadores e destino de vilegiaturistas; fase de construção e consolidação do porto (2000 - 2006), período no qual há grande atração de trabalhadores, provocando a redução da vilegiatura e o surgimento de novas dinâmicas espaciais; e fase de consolidação do complexo industrial (2006 - 2013), no qual as transformações são intensificadas a partir da instalação das primeiras indústrias e da atração de trabalhadores da construção civil para as obras da Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP). A estrutura urbana atual de Pecém guarda particularidades dos períodos anteriores, à medida que ele resulta/interfere em processos sociais que são dinâmicos.
Mostrar mais

128 Ler mais

de aquíferos: uso dos métodos DRASTIC e GOD na porção norte do complexo industrial e portuário do Pecém, Estado do Ceará

de aquíferos: uso dos métodos DRASTIC e GOD na porção norte do complexo industrial e portuário do Pecém, Estado do Ceará

caracterizados como a principal área de recarga das águas subterrâneas da região, com presença de lagos interdunares; e tabuleiros pré-litorâneos, constituídos por rochas da Formação Barreiras, sobrepostas à terrenos cristalinos pré-cambrianos. Tal configuração geológica possibilita o desenvolvimento de três sistemas aquíferos na região: Dunas, Barreiras e Fissural. Em seu perímetro leste e norte, o CIPP é circundado por duas Unidades de Conservação: a Estação Ecológica do Pecém e a Área de Proteção Ambiental (APA) Lagamar do Cauípe, além de abrigar em sua área o Jardim Botânico de São Gonçalo do Amarante. Ao redor do CIPP existem alguns loteamentos residenciais, principalmente nos setores nordeste, norte e noroeste, com áreas demarcadas para expansão desses bairros. Já as antigas comunidades existentes em sua área central estão em fase de desapropriação total ou parcial, a depender da localidade. Parte da demanda de água requerida pelo CIPP será atendida pelo Sistema Adutor Canal Sítios Novos/Pecém, construído especificamente para este fim. No entanto, de acordo com o Relatório de Impacto Ambiental (CEARÁ, 2009), há previsão de um déficit hídrico de 3.916 L/s para atendimento da demanda industrial após a consolidação plena do CIPP, sem contar o aumento da demanda de água por parte do crescimento populacional que vem se estabelecendo no entorno do Complexo.
Mostrar mais

129 Ler mais

Uma análise da atividade comercial entre o município de São Gonçalo do Amarante e os demais municípios cearenses: uma aplicação do modelo gravitacional

Uma análise da atividade comercial entre o município de São Gonçalo do Amarante e os demais municípios cearenses: uma aplicação do modelo gravitacional

Apesar da constituição da Companhia Siderúrgica do Pecém – CSP remontar a 2008, resultado da parceria entre a brasileira Vale e as coreanas Dogkuk e Posco, com investimentos para implantação da ordem de US$ 5,4 bilhões, somente a partir de junho de 2016, fora do período em exame, é que a usina siderúrgica, de grande porte, iniciou a produção de placas de aço no CIPP, com capacidade instalada de 3 milhões de toneladas de placas de aço/ano para esta primeira fase do projeto. Tanto é assim que as exportações de produtos metalúrgicos pelo Estado do Ceará representavam, entre janeiro e julho de 2016, apenas 1,76% do total das exportações, enquanto que, entre janeiro e julho de 2017, esse percentual já teria subido para 51,13%.
Mostrar mais

44 Ler mais

Repositório Institucional UFC: Sabelídeos (ANNELIDA: POLYCHAETA) associados aos pilares do Terminal Portuário do Pecém, Ceará, Brasil:composição e distribuição

Repositório Institucional UFC: Sabelídeos (ANNELIDA: POLYCHAETA) associados aos pilares do Terminal Portuário do Pecém, Ceará, Brasil:composição e distribuição

A fauna de poliquetas da família Sabellidae associados à comunidade incrustante dos pilares do Porto do Pecém, no Município de São Gonçalo do Amarante, Ceará, foi estudada quanto a sua composição e sua distribuição em relação às faces interna e externa desses pilares e à batimetria, até 5 m de profundidade. O material analisado foi resultante de estudos anteriores e estava depositado no Laboratório de Zoobentos do Instituto de Ciências do Mar da Universidade Federal do Ceará. A coleta do material foi feita em janeiro de 2009, utilizando-se como unidade amostral um quadrado de 15 cm de lado. Foram obtidas 40 amostras aleatórias, em um universo de 30 pilares. As amostras foram estratificadas, distribuídas equitativamente entre as faces interna e externa dos pilares e entre as profundidades de 0 a 5 m, a intervalos de 1 m. Foram encontrados 554 espécimes de sabelídeos, representantes de 7 gêneros e 10 espécies, das quais Potamilla fontícula foi a mais abundante (416 ind.) e frequente (94,7%). Duas espécies, Megalomma lobiferum e Notaulax midoculi constituem novos registros para a costa brasileira. A distribuição dos sabelídeos não apresentou diferenças estatisticamente significativas com relação às faces dos pilares; tanto das espécies quanto dos descritores da comunidade: riqueza, equitabilidade e diversidade. O mesmo resultado foi obtido nas análises em relação à profundidade.
Mostrar mais

38 Ler mais

A implantação do complexo industrial e portuário do Pecém e seus reflexos sobre o  local do Município de São Gonçalo do Amarante

A implantação do complexo industrial e portuário do Pecém e seus reflexos sobre o local do Município de São Gonçalo do Amarante

O primeiro Plano Diretor considerava um Projeto Siderúrgico chamado CSC- Companhia Siderúrgica do Ceará, com produção prevista de 1.500.00 ton/ano, e voltada para o mercado interno. O segundo Plano Diretor foi desenvolvido em função da alteração do projeto original da CSC, tendo como principal alteração a mudança do redutor do processo de carvão para gás natural, e a inclusão de uma refinaria com capacidade para 100.000 barris/dia. Estes projetos não tiveram sequência e, novamente, o Plano Diretor teve que ser alterado para atendimento às novas demandas.
Mostrar mais

51 Ler mais

Eco-Territórios e Projeto Urbano.  O caso do litoral oeste da Região Metropolitana de Fortaleza.

Eco-Territórios e Projeto Urbano. O caso do litoral oeste da Região Metropolitana de Fortaleza.

Para o estudo de uma periferia da RMF, escolheu-se a faixa litorânea oeste situada entre os limites do município de Fortaleza e do distrito do Pecém, no município de São Gonçalo do Amarante. A ocupação do litoral oeste metropolitano (ver Figura 2) se desenvolveu a partir do eixo de expansão oeste de Fortaleza, historicamente marcado pela via férrea e por uma zona industrial implantada nas décadas de 30 e 40 3 . O caráter industrial do litoral oeste foi reforçado com a instalação, nos anos 1990, do Complexo Industrial do Porto do Pecém (CIPP) 4 , entre os municípios de São Gonçalo do Amarante e Caucaia. O CIPP aumentou o exponencialmente o fluxo de pessoas e mercadorias nas escalas local e regional, mas trouxe consigo diversos impactos sociais, urbanos e ambientais negativos.
Mostrar mais

16 Ler mais

Sobre a ocorrência de ondas extremas (Rogue waves) no litoral do Ceará com base nos dados do ondógrafo do Pecém. dis adrgonçalves

Sobre a ocorrência de ondas extremas (Rogue waves) no litoral do Ceará com base nos dados do ondógrafo do Pecém. dis adrgonçalves

“Ondas de até sete metros estão levando tudo que encontram pela frente na rua Oton de Carvalho, que os moradores chamam de Beira Mar, na Praia do Pecém. Todos foram unânimes em afirmar que sempre houve ressaca naquela praia, mas nunca nas proporções que aconteceu de domingo para segunda-feira. Quase nada restou do bar Portal da Pedra que fica em uma das esquinas movimentadas do que antes era um calçadão.

121 Ler mais

Estudo sobre modelos de gonança em zonas portuárias e industriais: o caso do Pecém e de MarselhaFOS

Estudo sobre modelos de gonança em zonas portuárias e industriais: o caso do Pecém e de MarselhaFOS

De acordo com Duna Uribe, da autoridade portuária de Roterdã, o modelo de gestão de uma ZIP não pode dissociar a área portuária propriamente dita da industrial, como se verifica no modelo de Roterdã. As duas áreas devem estar contidas em um projeto de gestão com vistas ao desenvolvimento conjunto, imperativamente submetido, por sua vez, ao desenvolvimento econômico e sustentável da região. Entendimento esse não verificado nas ZIPs estudadas. Na do Pecém, o descompasso comercial e gestionário toma proporções maiores pelo fato de a autoridade portuária Cearáportos restringir- se às atividades portuárias stricto sensu. Na área da ZIP, é possível verificar um emaranhado de empresas públicas e secretarias de estados intervindo direta e indiretamente na gestão, ademais sem as diretrizes estratégicas de uma estrutura formal de governança.
Mostrar mais

27 Ler mais

Desnutrição recente, crônica e pregressa em quatro localidades do Estado de Pernambuco, Brasil.

Desnutrição recente, crônica e pregressa em quatro localidades do Estado de Pernambuco, Brasil.

RESUMO: Foram estudadas 1.712 crianças menores de 6 anos, residentes nas cidades de Recife (Zona Litorânea), Ferreiros (Zona da Mata), Brejo da Madre de Deus (Zona do Agreste) e Afogado[r]

10 Ler mais

Devastação e proteção da mata atlântica nordestina : formação da paisagem e políticas ambientais

Devastação e proteção da mata atlântica nordestina : formação da paisagem e políticas ambientais

A abrangência da pecuária na Mata Atlântica nordestina não aumentou muito, já que a concorrência pelas terras da Zona da Mata se intensificava. Porém, nessa época, a pecuária contribuiu, mais que a cultura canavieira, com uma maior concentração fundiária, já que a dimensão dos canaviais ainda estava limitada pela baixa capacidade de processamento até o século XIX (POMPONET, 2010). Nesse sentido, baseado no modo produtivo canavieiro observado na América espanhola, De Carli (1948) asseverou: "A pequena propriedade, portanto subsistia, enquistando-se dentro da grande concessão" (DE CARLI, 1948, p. 11). Isso porque, dentro das sesmarias concedidas, existiam várias "estâncias", nas quais uma parte se destinava à agricultura, outra à pecuária, outra às reservas de florestas, além das áreas "desertas" dentro das propriedades. Assim como os engenhos de açúcar, o latifúndio pecuário também tinha um pequeno povoado no seu interior, embora em proporções bem menores (GALLIZA, 1986). Considerando essas informações, o mapeamento realizado para a região, ilustrado na Figura 22, no que se refere às fazendas de pecuária extensiva, correspondeu a áreas de vegetação secundária (classe 2), com aproximadamente 130 km 2 (três léguas quadradas) cada.
Mostrar mais

296 Ler mais

Aplicação da teoria fuzzy para calcular risco de contaminação causado por lançamentos oceânicos de resíduos líquidos na região litorânea do Pecém – Estado do Ceará, Brasil

Aplicação da teoria fuzzy para calcular risco de contaminação causado por lançamentos oceânicos de resíduos líquidos na região litorânea do Pecém – Estado do Ceará, Brasil

O lançamento de grandes quantidades de resíduos líquidos na região costeira do Pecém, Nordeste do Brasil, levanta questões relacionadas com os impactos ambientais causado pela presença desta estrutura de lançamento, considerando que esta região representa uma importante área de recreação no estado do Ceará. Esta pesquisa emprega a Teoria Fuzzy para avaliar o risco de contaminação na região praiana, causada por uma possível instalação de um emissário submarino naquela região. O estudo simula a presença desta estrutura de lançamento, considerando diferentes comprimento de difusores, e calcula a concentração de coliformes nas proximidades da linha de costa, através da metodologia de Brooks. Finalmente, avalia, a partir dos resultados encontrados, o risco usando uma função de desempenho para T 90 . Os
Mostrar mais

4 Ler mais

Arquitetura bioclimática para instituição de ensino fundamental em São Gonçalo do Amarante/RN

Arquitetura bioclimática para instituição de ensino fundamental em São Gonçalo do Amarante/RN

O projeto arquitetônico desenvolvido foi chamado de “Escola BIOclimática”, proposto para abrigar alunos do Ensino Fundamental 20 no município de São Gonçalo do Amarante, RN. A proposta do estudo é identificar recursos para se obter melhores condições térmicas e eficiência energética na edificação através de soluções construtivas em parceria com a vegetação. Como resultado o trabalho apresenta soluções projetuais e as situações em que a vegetação auxiliará nas estratégias para se atingir um melhor conforto térmico, sonoro e visual na edificação propõe a resolver a necessidade da demanda escolar causada pelo rápido desenvolvimento da região, incentivada pelos financiamentos do governo para habitação.
Mostrar mais

262 Ler mais

Santos e devotos no império ultramarino português.

Santos e devotos no império ultramarino português.

Este trecho reafirma a santidade de São Gonçalo, que se manifesta sobretudo na quinta vigia ou idade da vida, ou seja, após sua morte. Nesta idade, sua obra o qualifica como “pai de famílias”, “pai universal”, haja vista a quantidade e variedade de grupos sociais que lhe fazem petições e são atendidos. A crença em seu patrocínio é também revelada no discurso por outros fatores, como a multidão que acorria a Amarante para visitar as suas relíquias, os ex- votos ali depositados, que comprovariam os seus milagres, e a eficácia do santo nas “regiões remotíssimas” da África, Ásia e América, onde não há templos ou altares ao santo. Se considerarmos o seu contexto de elocução, esta prédica pode ser interpretada como práxis que buscava semear o Verbo divino numa destas regiões (Santos 2006:301). 46
Mostrar mais

33 Ler mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA CENTRO DE POLÍTICAS PÚBLICAS E AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO PROFISSIONAL EM GESTÃO E AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO PÚBLICA ALGIZA LOPES E SILVA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA CENTRO DE POLÍTICAS PÚBLICAS E AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO PROFISSIONAL EM GESTÃO E AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO PÚBLICA ALGIZA LOPES E SILVA

A pesquisa foi realizada a partir da temática das avaliações (internas e externas). Os questionamentos presentes nos questionários e entrevistas destinam- se a buscar dados e percepções sobre os papéis e atribuições destinados ao pedagogo e/ou apoio pedagógico no acompanhamento dos instrumentos avaliativos, internos e externos, em três escolas da CDE 7, na zona norte de Manaus. Dessa forma, o presente estudo teve como objetivo investigar os sentidos atribuídos pela equipe escolar e pelos professores dos Anos Iniciais do Ensino Fundamental a uma política pública de monitoramento da avaliação interna, que foi criada para auxiliar no processo de aprendizagem.
Mostrar mais

148 Ler mais

Show all 10000 documents...

temas relacionados