QUESTIONÁRIO PARA PROVA DE GESTÃO DE PROJETOS

Texto

(1)

QUESTIONÁRIO PARA PROVA DE GESTÃO DE

QUESTIONÁRIO PARA PROVA DE GESTÃO DE PROJETOS

PROJETOS

1.

1. O qu

O que voc

e você ent

ê entend

ende po

e po co!

 co!pet

petênc

ênc"#$

"#$

R: competência é a integração e a coordenação de um conjunto de conhecim

R: competência é a integração e a coordenação de um conjunto de conhecimentos, habilidades e atitudesentos, habilidades e atitudes que, na sua manifestação, produzem resultados para

que, na sua manifestação, produzem resultados para um fim de uma instituição.um fim de uma instituição.

%.

%. Qu#"&

Qu#"& &'o #&

&'o #& co!p

co!petênc

etênc"#& e!

"#& e! (een

(eenc"#!e

c"#!ento d

nto de po

e po)eto&$

)eto&$

R: Conhecimento, habilidade e atitude. R: Conhecimento, habilidade e atitude.

*.

*. O q

O que

ue + ,

+ ,#-

#-"

""d

"d#d

#de$

e$

R: é a capacidade de realizar uma tarefa em conformidade com padres de desempenho. R: é a capacidade de realizar uma tarefa em conformidade com padres de desempenho.

/.

/. O q

O que

ue + c

+ con

on,e

,ec"

c"!e

!ent

nto$

o$

R: é

R: é obter informobter informaçes necessaçes necess!rias de algo !rias de algo desejdesejado, para poder ado, para poder entenentendê"lo ou dê"lo ou manusmanuse!"lo de e!"lo de formaforma correta.

correta.

0.

0. O q

O que

ue + 

+ "d

"de

e#n

#n2#

2#$

$

R: é a capacidade de moti#ar as pessoas a fazerem aquilo que precisa ser feito, ou, a tendência dos R: é a capacidade de moti#ar as pessoas a fazerem aquilo que precisa ser feito, ou, a tendência dos colab

colaboradoreoradores s de de seguiseguirem aqueles que rem aqueles que eles percebem como instrumeeles percebem como instrumentais para ntais para satissatisfazefazerem os rem os seusseus  pr$prios objeti#os pessoais e necess

 pr$prios objeti#os pessoais e necessidades.idades.

3.

3. O q

O qu

ue + d

e + de

ee(

e(#

#$

$

R: é colocar o poder de

R: é colocar o poder de decisdecisão o ão o mais pr$%imais pr$%imo poss&#emo poss&#el da l da ação, e para isso é preciso ter maturiação, e para isso é preciso ter maturidadedade técnica e comportamental.

técnica e comportamental.

4.

4. O qu

O que voc

e você en

ê enten

tende p

de po e

o e5"c

5"c"ên

"ênc"#

c"#$

$

R: é e%ecutar uma tarefa tecnicamente correta, fazer algo

R: é e%ecutar uma tarefa tecnicamente correta, fazer algo bem feito.bem feito.

6.

6. O qu

O que vo

e você e

cê ente

ntende

nde po

po e5

 e5"c7

"c7c"#

c"#$

$

R: é

R: é e%ecue%ecutar uma tarefa tecnicamtar uma tarefa tecnicamente corretaente correta, mas , mas com ê%ito, alcançcom ê%ito, alcançando seus objeti#oando seus objeti#os s e metas, oue metas, ou seja, obtendo resultados.

seja, obtendo resultados.

8.

8. Po qu

Po que #& o(

e #& o(#n"9#

#n"9#2:e& ut

2:e& ut""9#

""9#! o (e

! o (eenc"#

enc"#!ent

!ento de po

o de po)eto&$

)eto&$

R: elas usam para: R: elas usam para:

• 'elhorar comunicação entre os participantes do 'elhorar comunicação entre os participantes do projeto(projeto( •

• 'elhor compreensão do projeto e seus objeti#os('elhor compreensão do projeto e seus objeti#os( •

• Capacidade de definir e controlar o escopo do projeto(Capacidade de definir e controlar o escopo do projeto( •

• Capacidade de identificar, monitorar e acompanhar os marcos do projeto(Capacidade de identificar, monitorar e acompanhar os marcos do projeto( •

• )rojeção correta das necessidades de )rojeção correta das necessidades de recursos(recursos( •

• 'elhor a#aliação e mitigação dos riscos do projeto('elhor a#aliação e mitigação dos riscos do projeto( •

• Capacidade e mecanismos para medir a Capacidade e mecanismos para medir a performance(performance( •

• *dentificação e comunicação das !reas de pr*dentificação e comunicação das !reas de pr oblemas(oblemas( •

• +sclarecimento e alinhamento com os objeti#os da +sclarecimento e alinhamento com os objeti#os da organização(organização( •

• )riorização das ati#idades funcionais e do projeto()riorização das ati#idades funcionais e do projeto(

1;.

1;. O que + u

O que + u! po

! po)eto$

)eto$

R: é um esforço ou empreendimento tempor!rio com o objeti#o de criar um produto ou ser#iço nico. R: é um esforço ou empreendimento tempor!rio com o objeti#o de criar um produto ou ser#iço nico. )odemos defini"lo como uma série de ati#

)odemos defini"lo como uma série de ati#idades e tarefas que têm um objetiidades e tarefas que têm um objeti#o a ser atingido, obser#ando#o a ser atingido, obser#ando certas especificaçes, com datas de in&cio e término definidas, onde consumem recursos materiais e certas especificaçes, com datas de in&cio e término definidas, onde consumem recursos materiais e humanos para sua realização e

humanos para sua realização e também têm seus recursos financeiros limitados.também têm seus recursos financeiros limitados.

O projeto é único

O projeto é único

- - porporque tudo que que tudo que é é proproduzduzido ido prproduodutos e tos e serser#iç#iços/ são os/ são difdifereerententes s dos outrodos outross  produtos.

 produtos.

O projeto é temporário

O projeto é temporário

 - porque todo o projeto tem in&cio e fim bem definidos. - porque todo o projeto tem in&cio e fim bem definidos.

11.

11. O que você en

O que você entende po &e

tende po &ev"2o& cont"nu#do

v"2o& cont"nu#do&$

&$

R: são aqueles que

(2)

1%. O que + u! Geenc"#!ento de Po)eto&$

R: é a aplicação de técnicas, habilidades e ferramentas 0s ati#idades do projeto para atender os requisitos deste projeto.

1*. Qu#"& &'o #& #t"v"d#de& do Geenc"#!ento de Po)eto&$

R: as suas ati#idades tipicamente en#ol#em:

• 1emandas e%igentes para o escopo, tempo, custo, riscos e qualidade. • *nteressados no projeto com necessidades e e%pectati#as diferentes. • Requisitos identificados e muitas #ezes e#oluti#os.

1/. Qu# # ved#de"# 5un2'o do Geenc"#!ento de Po)eto&$

R: é fazer o a integração entre o custo, R2, tempo, contratação e aquisição, escopo, riscos, qualidade e comunicação.

10. Qu#"& o& ee!ento& p"nc"p#"& de u! po)eto co!o ee& &e "nte<e#c"on#!$

R: +scopo, 3empo e Custo.

13. O que + u! p#no$

R: é um instrumento de planejamento de alto n&#el, desen#ol#ido por go#ernos ou matrizes de grandes empresas e englobando di#ersos programas e projetos.

14. O que + u! po(#!#$

R: é um conjunto de projetos desen#ol#ido sequencialmente ou paralelamente e administrado de forma coordenada.

16. O que # (eênc"# de po)eto& en(o-#$

R: ela en#ol#e o planejamento e monitoramento de alguns itens como:

• )456+75'+638: definição dos requisitos do trabalho a ser feito, definição da quantidade e

qualidade desse trabalho e definição dos recursos necess!rios.

• '86*38R5'+638: acompanhamento do progresso geral e parcial, comparaçes entre o

 pre#isto e o realizado, an!lise dos impactos e realização de ajustes.

18. O que &'o o& St#=e,ode&$

R: são as pessoas ou organizaçes en#ol#idas no projeto, elas são os respons!#eis pelo projeto como:  patrocinadores, participantes e outros ambientalistas, 869s, familiares dos integrantes do projeto.

%;. Qu#nto& &'o e Qu#"& &'o o& (upo& de PRO>ESSOS e! u! po)eto$

R: ;ão <= grupos de processos " iniciação, planejamento, monitoramento e controle, e%ecução e encerramento.

%1. E?p"que o poce&&o de INI>IA@ÃO.

R: é a fase que define e autoriza o projeto ou uma fase do projeto.

+la

identifica as necessidades, determina a abrangência do projeto, analisa as viabilidades e

 pesquisa as alternativas, prepara um orçamento e cronograma iniciais, seleciona a equipe e

desenvolve a proposta.

%%. E?p"que o poce&&o de PANEJAENTO.

R: é a fase que define e refina os objeti#os e planeja a ação necess!ria para alcançar os objeti#os e o escopo do projeto.

+la

detalha o projeto para a sua execuço, define a estrutura formal de gerenciamento, fa! a

 programaço de pessoal e de recursos, desenvolve o orçamento e cronograma final, determina os

 pontos de controle, desenvolve planos de comunicaço e de riscos, desenvolve planos de

aquisiç"es e #$ e aprova para começar a execuço

.

%*. E?p"que o poce&&o de ONITORAENTO E >ONTROE.

R: é a fase que mede e monitora regularmente o progresso do projeto, identificando e corrigindo des#ios dos seus objeti#os.

+le #isa garantir que os objeti#os do projetos serão alcançados atra#és de um monitoramento e medição regular do seu progresso, possibilitando correçes quando necess!rio. 5lgumas tarefas feitas por este

(3)

 processo são:

cumprir as atividades planejadas

,

monitorar e controlar as atividades do projeto,

avaliar modificaç"es necessárias durante a execuço, mudar o que for aprovado, manter o registro

da atividades, verificar o escopo e controlá%lo, controlar o cronograma, controlar os custos,

reali!ar o controle de qualidade, administar as aquisiç"es e etc.

%/. E?p"que o poce&&o de EBE>U@ÃO.

R: é o processo que integra pessoas e outros recursos para realizar o plano de gerenciamento do projeto, ou seja, e%ecução dos planos do projeto como a coordenação de pessoas e recursos para a sua de#ida e%ecução.

&le envolve as tarefas de orientar e gerenciar a execuço do projeto, mobili!aço da

equipe, desenvolvimento da equipe do projeto, condu!ir as aquisiç"es e etc.

%0. E?p"que o poce&&o de EN>ERRAENTO$

R: é a fase que formaliza a aceitação do produto, ser#iço ou resultado e conduz o projeto ou uma fase deste a um final ordenado.

&la entrega os serviços e produtos, treina a equipe operacional, encerra as atividades e o contrato

e realoca a equipe do projeto.

%3. O que + u! Ponto de >ontoe$

R: é um chec> list para #erificar se determinadas tarefas foram realizadas, da& a partir da realização delas,  partir para outras tarefas, também é conhecido como ponto de equil&brio.

%4. O que + o PO$

R: significa )roject 'anagement 8ffice/, que é uma unidade organizacional com o objeti#o de conduzir,  planejar, organizar, controlar e finalizar as ati#idades do projeto.

;ua função é pro#er orientação e suporte para o desen#ol#imento do projeto, de maneira eficiente e eficaz.

%6. Qu# # 5un2'o do te!o de #-etu# do po)eto$

Resposta: é o documento que tem a função de formalizar a e%istência de um projeto e estabelecer a autoridade e responsabilidade do gerente do projeto, ou seja, ele autoriza formalmente o in&cio de um  projeto e concede ao gerente o poder de utilizar os recursos organizacionais nas ati#idades do projeto.

%8. P## que &eve # dec##2'o do e&copo pe"!"n#$

Resposta: é o documento que ser#e para confirmar e desen#ol#er um entendimento comum sobre o escopo do projeto, assim como para controlar as mudanças do escopo e tomar as decises futuras para o  projeto. +ste é o processo que possibilita uma definição preliminar de alto n&#el do projeto usando o termo de abertura com outras entradas para os processos de iniciação, ele aborda e documenta os requisitos do  projeto e da entrega, os requisitos dos produtos, os limites do projeto os métodos de aceitação e o

controle de alto n&#el do escopo.

*;. C#e do >I>O DE VIDA de u! po)eto$

R: o ciclo de #ida de um projeto pode ser definido como um conjunto de fases, que juntas possibilitam oferecer um melhor controle gerencial. +la pode ser representada por um nico gr!fico, ou detalhada, por #!rios gr!ficos, flu%ogramas e tabelas, espec&ficos de cada ati#idade.

;uas caracter&sticas: é ligado por resultados, onde o resultado de uma parte do ciclo se torna a entrada  para outra parte, #isando uma melhora continua.

*1. >o!o pode &e o >I>O DE VIDA de u! po)eto$

R: pode ser assim:

• Conceituação

• )lanejamento e organização • *mplementação e monitoramento • Conclusão

*%. Qu#nto& e Qu#"& &'o o& p#&&o do >"co PD>A$

R: são quatro passos, #eja"os:

• )456 - planejamento/ - estabelece a missão, objeti#os metas/, procedimentos e processos

(4)

• 18 - e%ecução/ realizar, e%ecutar as ati#idades(

• C2+C? - #erificaçes/ - monitorar e a#aliar os resultados, periodicamente, a#aliar processos

e resultados, confrontando"os com o planejado, objeti#os, especificaçes e estado desejado, consolidando as informaçes, e#entualmente confeccionando relat$rios(

•  5C3 - agir/ - agir de acordo com o a#aliado, e de acordo com os relat$rios, e#entualmente

determinar e confeccionar no#os planos de ação, de forma a melhorar a qualidade, eficiência e efic!cia, aprimorando a e%ecução e corrigindo e#entuais falhas.

**. Qu#"& &'o #& ,#-""d#de& de u! de$

R: comunicação eficaz, influência sobre a organização, liderança, moti#ação, negociação e gerenciamento de conflitos e resolução de problemas.

*/. Qu#nt#& e qu#"& &'o #& 7e#& do con,ec"!ento$

R: são

'( áreas

do conhecimento. ;ão elas: integração, escopo, tempo, custo, qualidade, recursos humanos, comunicaçes, riscos e aquisiçes.

*0. E?p"que c#d# 7e# do con,ec"!ento.

)&#&*+-&*/O 0& */&)#-12O

  - inclui os processos e as ati#idades necess!rias para

identificar, definir, combinar, unificar e coordenar os di#ersos processos e ati#idades de gerenciamento de projetos dentro dos grupos de processos, ou seja, fazer tudo funcionar junto.

)&#&*+-&*/O 0O &3+O4O

  - inclui os processos necess!rios para garantir que o projeto

inclua todo o trabalho necess!rio, e somente ele, para terminar o projeto com sucesso.

&le trata

 principalmente da definiço e controle do que está e do que no está inclu5do no projeto.

nclui o planejamento do escopo, definiço do escopo, criaço do &-4, verificaço do

escopo e controle do escopo.

)&#&*+-&*/O 0O /&4O

- inclui os processos necess!rios para realizar o término do

 projeto no prazo. +le inclui a

definiço da atividade, sequenciamento da atividade, estimativa

de recurso da atividade, estimativa da duraço da atividade, desenvolvimento do

cronograma e controle do cronograma.

)&#&*+-&*/O 0O +63/O

  - inclui os processos en#ol#idos em planejamento, estimati#a,

orçamentação e controle de custos, de modo que seja poss&#el terminar o projeot dentro do orçamento apro#ado.

&le inclui a estimativa de custos, orçamentaço e controle de custos.

)&#&*+-&*/O 0& 76-80-0& 

- inclui todas as ati#idades de que determinam as

responsabilidades, os objeti#os e as pol&ticas de qualidade, para que o projeto atenda 0s necessidades que o moti#aram sua realização.

&le inclui o planejamento de qualidade, reali!ar a

 garantia de qualidade e reali!ar o controle de qualidade

.

)&#&*+-&*/O 0& #&+6#3O3 $6-*O3

 - inclui os processos que organizam e gerenciam

a equipe do projeto.

&le incluem o planejamento de recursos humanos, contratar ou mobili!ar

a equipe do projeto, desenvolver a equipe do projeto e gerenciar a equipe do projeto.

)&#&*+-&*/O 0-3 +O6*+-19&3

- é a !rea do conhecimento que emprega os

 processos necess!rios pra garantir a geração, coleta, distribuição, armazenamento, recuperação e destinação final das informaçes sobre o projeto. +le fornece as ligaçes cr&ticas entre as pessoas e as informaçes

. &la inclui o planejamento das comunicaç"es, distribuiço das informaç"es,

relat:rios de desempenhos e gerenciar as partes interessadas.

)&#&*+-&*/O 0& #3+O3

 - inclui os processos que tratam da realização de identificação,

an!lise, respostas, monitoramento e controle e planejamento do gerenciamento de riscos de um  projeto.

&le inclui o planejamento de gerenciamento de riscos, identificaço dos riscos,

análise qualitativa e quantitativa dos riscos, planejamento de respostas ; riscos e

monitoramento e controle de riscos.

(5)

)&#&*+-&*/O 0& -76319&3

 - inclui os processo para comprar ou adquirir os produtos,

ser#iços ou resultados necess!rios de fora da equipe do projeto para realizar o trablaho.

&le inclui

o planejar compras e aquisiç"es, contrataç"es, solicitar respostas de fornecedores,

selecionar fornecedores, administraço dos contratos e encerramento do contrato.

Imagem

Referências