• Nenhum resultado encontrado

Medidor monofásico eletrônico LUMEN MD

N/A
N/A
Protected

Academic year: 2021

Share "Medidor monofásico eletrônico LUMEN MD"

Copied!
18
0
0

Texto

(1)

Medidor monofásico eletrônico

LUMEN MD

Manual de Instruções

Revisão 03.000 / Janeiro de 2011

MEDIDOR ELETRÔNICO LUMEN MD

120V 15(100)A 60Hz 2Fios 1EL 1Fase

Classe B 2008 Ke 0,625 Wh/Pulso Kh 0,625 Wh/Pulso kWh REVERSO Y K Portaria INMETRO/Dimel nº

00000000

INDÚSTRIA BRASILEIRA ESPAÇO RESERVADO PARA CLIENTE

(2)

2

Índice

1. INTRODUÇÃO ...3 2. DESCRIÇÃO DO FUNCIONAMENTO ...5 2.1. APRESENTAÇÃO ...5 2.2. PRINCÍPIO DE FUNCIONAMENTO ...5 2.3. INTERFACES ...6 Mostrador ...6

Indicação de Energia Ativa e Reversa ...6

Figura 2 – Vista Frontal do Medidor LUMEN MD ...7

Saída de Pulsos ...8

3. INSTALAÇÃO ...9

3.1. PONTOS DE FIXAÇÃO ...9

FIGURA 4–PONTOS DE FIXAÇÃO ...9

3.2. INFORMAÇÕES PARA CONEXÃO ...10

4. VERIFICAÇÃO E AJUSTE ...11

5. CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS ...12

5.1. CARACTERÍSTICAS ELÉTRICAS E METROLÓGICAS ...12

5.2. ESTRUTURA MECÂNICA ...12

Tampa ...12

Base e Bloco ...12

Dimensões do medidor ...13

6. NORMAS DE REFERÊNCIA ...14

7. INFORMAÇÕES UTEIS AO CLIENTE...15

8. TERMO DE GARANTIA ...16

I–PREMISSAS...16

II–PRAZO DE GARANTIA ...16

III–EXCLUSÕES DA GARANTIA ...16

(3)

3

1. Introdução

Este manual tem o objetivo de proporcionar a você, usuário, as informações necessárias para operar de forma correta e segura seu medidor eletrônico NANSEN modelo LUMEN MD. O manual está dividido em 5 partes principais com os seguintes conteúdos:

INTRODUÇÃO - Informa o conteúdo e as convenções deste manual.

DESCRIÇÃO DO FUNCIONAMENTO - Contém uma visão geral do equipamento, com sua definição e

principais características. Além disso, apresenta descrição e uma visão funcional do equipamento.

INSTALAÇÃO - Descreve todos os requisitos da instalação do LUMEN MD.

VERIFICAÇÃO e AJUSTE - Contém informações sobre a verificação/ajuste do LUMEN MD.

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS – Apresenta as características técnicas do LUMEN MD necessárias à

sua operação, instalação e ajustes. Encontram-se também neste manual, informações sobre NORMAS

DE REFERÊNCIA e TERMO DE GARANTIA.

SEGURANÇA ELÉTRICA - Esse manual contém instruções de segurança que devem ser seguidas na

instalação, operação e manutenção do medidor. Se ignoradas, podem ocorrer ferimentos ou morte do instalador e danos no funcionamento do produto. Leia as instruções de segurança antes de efetuar qualquer intervenção.

AVISO! A não observância das seguintes instruções pode resultar em ferimentos pessoais graves ou morte, ou em danos no equipamento. Apenas eletricistas qualificados estão autorizados a efetuar trabalhos de instalação e de manutenção no medidor Nansen.

(4)

4

A NANSEN tem a certeza de oferecer um instrumento fabricado com componentes e materiais de alta qualidade, o que proporciona um perfeito desempenho em condições normais de uso. Nossos equipamentos são aferidos em laboratórios e garantidos por um sistema de qualidade, assegurando assim sua confiabilidade e desempenho.

Algumas mensagens são apresentadas no decorrer deste documento e seguem os seguintes critérios:

Atenção!

Aparece quando queremos destacar alguma característica do funcionamento do medidor, facilitando sua compreensão.

Cuidado!

Trata-se de uma operação que, se mal realizada, pode comprometer o funcionamento do medidor, implicando em erros na sua medição.

(5)

5

2. Descrição do Funcionamento

2.1. Apresentação

O LUMEN MD é um medidor monofásico eletrônico com mostrador de display, desenvolvido pela Nansen S.A. para medição de energia ativa kWh. Como principais vantagens, possui melhor classe de precisão - comparado aos medidores monofásicos eletromecânicos - baixo consumo, baixa corrente de partida e detecção de fraude através de indicação de energia ativa reversa no LED. Possui um LED emissor de pulsos de energia ativa para a verificação do medidor. Os medidores LUMEN MD são fornecidos nas seguintes configurações:

LUMEN MD 120V 15/100A 60Hz LUMEN MD 240V 15/100A 60Hz

LUMEN MD 120,240V (multi tensão) 15/100A 60Hz

2.2. Princípio de Funcionamento

A medição de grandezas elétricas é baseada na medição de corrente e tensão, sendo que o produto dos valores instantâneos da corrente e da tensão representa a Potência Instantânea:

p

(

t

)

=

u

(

t

)

×

i

(

t

)

Onde, u(t) é a tensão no instante t;

i(t) é a corrente no instante t.

A Potência Média consumida ou produzida em um intervalo de tempo T, pode ser calculada através do valor médio da potência instantânea:

dt

t

i

t

u

T

P

T

×

=

0

)

(

)

(

1

A Energia Elétrica a cada segundo é a integral da potência no tempo:

dt

P

Wh

t

=

0

3600

1

(6)

6

Para sistemas discretos, se considerarmos o intervalo de tempo de um segundo, a equação anterior pode ser reescrita como:

∞ =

×

×

=

0

)

(

3600

1

i i i

u

i

N

Wh

Onde, N é o número de amostras no intervalo considerado.

O medidor eletrônico LUMEN MD é comandado por um chip dedicado que realiza o produto dos sinais instantâneos de corrente e tensão, adquiridos por um conversor analógico-digital. Posteriormente, faz o somatório dos produtos das amostras de tensão e corrente, totalizando então a potência. Essa potência acumulada no tempo se transforma em energia consumida. Como o seu registrador é unidirecional, o valor do kWh reverso será sempre somado ao kWh direto.

O medidor é capaz de registrar a energia ativa em ambos os sentidos de fluxo (energia direta ou reversa), totalizando seus módulos em um único registrador ( P = Σ |P| ).

2.3. Interfaces

Mostrador

O mostrador é um display de cristal líquido (LCD) e possui: 5 dígitos.

Figura 1 – Mostrador do LUMEN MD Indicação de Energia Ativa e Reversa

O LED localizado à direita, na placa do medidor, emite pulsos proporcionais à energia ativa, objetivando a verificação e/ou ajuste do medidor.

LED Indicador de Fraude

O LED Indicador de Fraude fica localizado à esquerda, na placa do medidor. Existem 2 tipos de indicação deste Led:

(7)

7 a) Medidor Padrão (Sem TC de Neutro)

O LED indicativo vermelho do medidor sem TC de neutro indica somente consumo reverso ao acender a luz vermelha.

b) Medidor com TC de Neutro (opcional)

O LED indicativo bicolor do medidor com TC de neutro indica consumo reverso ao acender a luz verde, além de indicar correntes de fase e neutro com direções ou amplitudes diferentes ao acender a luz vermelha. Ainda pode ocorrer a acusação dessas duas condições de fraude. Neste caso, o LED fica laranja.

Atenção!

Para identificação dos LED´s, veja a Figura 2.

Figura 2 – Vista Frontal do Medidor LUMEN MD MEDIDOR ELETRÔNICO

LUMEN MD

120V 15(100)A 60Hz 2Fios 1EL 1Fase

Classe B 2008 Ke 0,625 Wh/Pulso Kh 0,625 Wh/Pulso kWh REVERSO Y K Portaria INMETRO/Dimel nº 00000000 INDÚSTRIA BRASILEIRA ESPAÇO RESERVADO PARA CLIENTE

Led de indicação de energia reversa

Led emissor de pulsos proporcionais à energia ativa, para verificação

(8)

8 Saída de Pulsos

O medidor LUMEN MD possui pré-dispostos no seu bloco de terminais, pontos de saídas de pulso K Y (terminais 6 e 5):

Figura 3 – terminais de saída KY – 6 e 5 SAÍDA DE PULSOS FASE FASE LINHA CARGA NEUTRO NEUTRO

(9)

9

3. Instalação

3.1. Pontos de Fixação

A fixação do medidor LUMEN MD é feita por três pontos distantes entre si, conforme indicado na figura 4.

(10)

10

3.2. Informações para Conexão

Para energizar o medidor eletrônico LUMEN MD, basta aplicar um sinal de tensão (Vn ± 15%) entre o terminal 1 (Fase) e o terminal 2 (neutro), localizados no bloco de terminais.

Cuidado!

A tensão de alimentação do medidor eletrônico LUMEN MD deve ser compatível com a tensão nominal indicada na placa de identificação.

Conecte os circuitos de corrente e tensão conforme indicado nas figuras 5 e 6:

O LUMEN MD dispensa qualquer tipo de programação, bem como qualquer tipo de configuração por chave ou estrapeamento, pois já sai de fábrica com todas as características e parâmetros especificados pelo cliente.

O medidor Eletrônico LUMEN MD permite a utilização de cabos de ligação com seção de 4 a 35 mm², que deve ser dimensionado de acordo com a potência a ser medida.

O torque adequado aplicado aos parafusos dos terminais de corrente (terminais 1, 2, 3 e 4) para a fixação dos cabos aos conectores é de 1,5 a 2,0 N.m, sendo 2,5 N.m o torque máximo a ser aplicado. Para os parafusos dos terminais da saída KY (terminais 6 e 5), o torque máximo nos parafusos é de 1 N.m.

Agora ele já está pronto para ser instalado, sem necessidade de nenhuma programação. Figura 5: Medidor para conexão

direta, 1 elemento, 2 fios

SAÍDA DE PULSOS FASE FASE LINHA CARGA NEUTRO NEUTRO

(11)

11

4. Verificação e Ajuste

Para realizar a verificação do LUMEM MD, o LED que emite a todo o tempo pulsos proporcionais à energia ativa medida pode ser usado. O LED possui cor vermelha para ajudar na visualização. O LED pode ser visualizado na Figura 2, e se encontra à direita do medidor.

Cada ensaio deve ter um tempo mínimo de 30 segundos. Deve-se esperar 15 segundos para estabilizar a medição após ligar a tensão ou a corrente.

Atenção!

(12)

12

5. Características Técnicas

5.1. Características Elétricas e Metrológicas

Grandeza registrada kWh (única opção de apresentação: kgrandeza)

Constante Ke 0,625 ou 1,25 Wh / pulso p/ conf. 120V 15(100)A 1,25 Wh / pulso p/ conf. 240V 15(100)A

1,25 Wh / pulso p/ conf. 120,240V (multi tensão) 15(100)A Classe de precisão 1 % (IEC62052-11, IEC 62053-21)

B (RTM 431/2007)

Corrente nominal 15A

Corrente máxima 100A

Tensão nominal 120V e/ou 240V (±±±±15%)

Freqüência 60 Hz (±±±±5%)

Temp. de operação -20 a 70 graus centígrados

Isolação 2 kV

Tipo de ligação ANSI Forma 1 A (2 fios, linha-carga)

Modo de medição P = ΣΣΣΣ|P| - registro da energia ativa em ambos os sentidos de

fluxo (direta ou reversa), totalizando seus módulos em um único registrador.

Mostrador LCD com 05 dígitos inteiros

Harmônicos Não

Pulso de aferição LED

Peso do medidor 694g

5.2. Estrutura Mecânica

Tampa

Desenvolvida e confeccionada em plástico policarbonato para suportar a radiação solar sem degradação significativa do material.

Base e Bloco

A base é feita em policarbonato, e o bloco de terminais em baquelite, que oferecem alta isolação térmica e resistência mecânica.

(13)

13 Dimensões do medidor

(14)

14

6. Normas de Referência

O medidor LUMEN MD atende as seguintes normas nacionais e internacionais:

Norma Número de Referência

Normas IEC IEC62052-11, IEC 62053-21

Normas ABNT NBR14519, NBR14520, NBR14521, NBR14522.

(15)

15

7. Informações Uteis ao Cliente

Matérias e Resíduos

Os medidores contêm matérias-primas que podem ser recicladas para a conservação

de energia e de recursos naturais. Os materiais da embalagem são recicláveis. Todas

as partes metálicas podem ser recicladas. Os plásticos podem ser reciclados ou

queimados em circunstâncias controladas, segundo as regulamentações locais. Se

não for possível reciclar, todos os componentes tais como placas de circuito

impresso, podem ser destinados após o uso a um aterro industrial devidamente

licenciado pelos órgãos competentes.

Em caso de duvidas ou esclarecimentos dos Produtos Nansen, favor entrar em contato com a Equipe do Suporte Técnico NANSEN S.A., envie e-mail para:

suporte.tecnico@nansen.com.br

Ou telefone para:

0xx 31 3514-3330

0xx 31 3514-3332

0xx 31 3514-3334

(16)

16

8. Termo de Garantia

I – Premissas

A Nansen garante seus produtos contra defeitos de fabricação durante o período de vigência desta garantia. Esta garantia será executada, sem ônus ao cliente, nas instalações da Nansen através da substituição de componentes e partes que apresentarem defeito por outros, originais, dentro das especificações técnicas da Nansen, novos ou remanufaturados, a seu critério, de forma a se restabelecer as características funcionais do equipamento adquirido.

Assim, os produtos que porventura se apresentarem defeituosos, na desembalagem, na instalação, na ativação ou durante o funcionamento dentro do período de garantia, deverão ser enviados à Nansen para reparo.

A correção dos defeitos ou substituição do material e devolução para o Cliente será efetuada num prazo a ser definido pela Nansen em comum acordo com o Cliente, após o recebimento e a triagem dos produtos enviados. Após o reparo, os materiais serão devolvidos ao cliente, com frete pago pela Nansen.

II – Prazo de Garantia

A Nansen garante seus produtos por um prazo máximo de 24 (vinte e quatro) meses a partir da data da emissão da nota fiscal da Nansen S.A. para produtos utilizados no mercado brasileiro e da data do despacho no porto ou aeroporto de origem para produtos utilizados em mercados estrangeiros.

III – Exclusões da Garantia

a – Danos causados pelo cliente em decorrência de operação indevida ou negligente, manutenção inadequada, operação anormal ou em desacordo com as especificações técnicas, instalações inadequadas, equipamento energizado com tensão inadequada, influência de natureza química, eletroquímica, elétrica, climática ou atmosférica, tais como: enchentes, inundações, descargas elétricas e raios, incêndios, terremotos, sabotagens, vandalismo e outros casos fortuitos ou de força maior. Nestes casos, todos e quaisquer materiais e mão de obra utilizada no reparo dos danos oriundos serão cobrados de acordo com os preços vigentes na oportunidade, após a aprovação de orçamento apresentado pela Nansen ao Cliente.

b – A garantia dos produtos perderá seu efeito, se estes forem instalados em desacordo com as Normas Nacionais e Internacionais que regem a fabricação dos produtos.

c – A garantia restringe-se ao produto e/ou acessórios, suas partes, peças e componentes, não cobrindo quaisquer outras despesas, tais como: desinstalaçäo ou reinstalação do produto, despesas de embalagem e hospedagem.

d - A garantia não se estende ao ressarcimento de quaisquer prejuízos, perdas e danos ou lucros cessantes, decorrentes de paralisação do produto.

(17)

17

*Degradação eletrostática: deterioração nas características de um componente eletrônico causada por uma ESD. ESD significa descarga eletrostática, ou Electrostatic Discharge e consiste na transferência de carga eletrostática entre dois corpos de diferentes potenciais eletrostáticos, por contato direto ou induzidos por campo eletrostático. As pessoas e objetos constantemente estão carregados com estática devido ao atrito.

Ao ser descarregada a estática de uma pessoa ou objeto por um equipamento ou componente eletrônico sensível, ele pode ser danificado. O equipamento pode falhar ou ter a confiabilidade comprometida.

Todos os produtos eletrônicos, quando tiverem seus componentes expostos (para medidores eletrônicos, expostos - toda vez que a tampa do medidor for removida), devem ser manipulados com equipamentos como pulseiras de aterramento ou calcanheiras. No caso do uso de calcanheiras, é necessária a utilização sobre uma superfície condutiva devidamente aterrada (tapete ou piso). Se for possível para o Cliente, tendo em vista o processo a ser executado com o produto eletrônico com seus componentes expostos, aconselhamos a utilização de manta dissipativa devidamente aterrada para melhor garantia da confiabilidade do produto.

IV – Sistemática

Quando do envio do produto para reparo, deverá ser indicado, obrigatoriamente, o número e data da nota fiscal da Nansen S.A., juntamente com um laudo técnico indicando o defeito que o produto está apresentando.

(18)

18

Ressalva quanto à reprodução / alteração do manual

Este manual não pode ser reproduzido, total ou parcialmente, por qualquer processo mecânico, eletrônico, reprográfico etc., sem autorização por escrito da NANSEN S.A. - Instrumentos de Precisão. Seu conteúdo tem caráter exclusivamente técnico / informativo e os autores reservam o direito de, sem qualquer aviso prévio, fazer as alterações que julgarem necessárias.

Referências

Documentos relacionados

IMOVEL: área de terreno denominada área total 10.706,60 m2 com 3.514,51 m2 de áera construida localizado na Rodovia BA 270nº 200 BAIRRO CAJAZEIRAS neste municipio com as

Esta norma estabelece os requisitos mínimos para fornecimento, fabricação e ensaios do Painel de Comando de Válvulas com Acionador Elétrico (PCV-AEL) Gaveta Fixa, classe de

Passa, depois, o A. a demonstração duma tese interessantíssima e algo revo- lucionária: à literatura latina pertence toda a literatura cristã em língua grega, e não só a

Diante do exposto, objetivou-se com este trabalho, utilizar a geoestatística para mapear e caracterizar a magnitude da variabilidade espacial do ruído emitido por um

A aveia-preta e o tremoço-branco, como adubo verde, proporcionaram maior período com boa cobertura do solo e também apresentaram maior produção de matéria seca.. Com objetivo

O enxofre vulcanizado, tinha um cheiro também similar ao de diluente, parecia mais consistente em relação ao enxofre não vulcanizado, tinha uma cor amarela devido ao enxofre,

Políticas e Práticas de Educação, Saúde e Enfermagem Processo de Cuidar em Saúde e Enfermagem Qualitativo Saúde da Família Saúde da Criança mazzas@ufpr.br 1 início

Para avaliar a ocorrência de alterações nas variáveis físico-químicas: gordura, ESD, densidade, água, crioscopia e proteína, frente o aumento da quantidade de soro