Gestão da qualidade

Top PDF Gestão da qualidade:

Implementação de sistemas de gestão da qualidade e segurança alimentar

Implementação de sistemas de gestão da qualidade e segurança alimentar

O referencial BRC foi criado pelos retalhistas do Reino Unido, para fornecedores de produtos alimentares, amplamente adotado não só no Reino Unido mas em todo o mundo. Este sistema obriga a que as empresas do setor alimentar tomem todas as precauções consideradas razoáveis para evitar falhas no desenvolvimento, distribuição, informação ou venda de produtos alimentares ao consumidor. A norma garante a padronização da qualidade, segurança e critérios operacionais, e assegura que as entidades cumpram as obrigações legais e forneçam proteção ao consumidor final. Este referencial tem por base a implementação do sistema HACCP, a existência de um sistema de gestão da qualidade documentado e o controlo das infraestruturas, produtos, processos e recursos humanos. A existência de fornecedores em todo o mundo originou a rápida adoção deste referencial nos diversos continentes possibilitando uma diminuição do número de auditorias e uniformizando os critérios de avaliação dos requisitos. (3)
Mostrar mais

146 Ler mais

Gestão da qualidade na unidade de cuidados intensivos do Hospital Provincial do Bié e do Huambo, Angola.

Gestão da qualidade na unidade de cuidados intensivos do Hospital Provincial do Bié e do Huambo, Angola.

Apesar de haver preocupação relacionada a qualidade em saúde especialmente no atendimento de prestação de serviço, assim como existência do desafio em termos de expandir a municipalização dos serviços de saúde, ainda assim o termo gestão da qualidade na unidade de cuidados intensivos propriamente dito é menos vulgar na realidade Angolana, a existência e conhecimentos de indicadores utilizados em saúde tais como (taxa de morbidade, mortalidade etc. são conhecidos e respeitados. O que se pretende é que numa perspetiva futurista haja abordagens relacionadas à melhoria contínua e execução de auditorias e manutenção sem por em causa o incentivo da participação de todos profissionais envolvidos. Além disso é fundamental que se construa, alter e se adapte um novo paradigma relacionado a implementação dos indicadores tal como se aclaram no modelo utilizado neste trabalho afim de se propor um funcionamento que irá de encontro às necessidades dos seus utilizadores de modos a estabelecer parâmetros, atitudes e filosofias de gestão e de reconhecimento de omissões e disfunções ineficazes, nem que para tal seja necessário desviar ou reformular algumas política locais relacionada a gestão das unidades hospitalares em especial as suas UCIs.
Mostrar mais

113 Ler mais

Gestão da Qualidade Total e Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior: implantação de um Sistema em uma  Instituição de Ensino Superior / Total Quality Management and National System of Evaluation of Higher Education: implementation of a System i

Gestão da Qualidade Total e Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior: implantação de um Sistema em uma Instituição de Ensino Superior / Total Quality Management and National System of Evaluation of Higher Education: implementation of a System in a Higher Education Institution

O presente trabalho tem como objetivo implantar um sistema de gestão da qualidade (SGQ) baseando- se na Gestão da Qualidade Total e no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes), de acordo com as necessidades da instituição. Como objetivos específicos o trabalho apresenta: (I) Definir os parâmetros do modelo do SGQ com base em uma revisão de literatura sistematizada e nos Sinaes; (II) Levantar as principais dificuldades identificadas na implantação. O sistema foi desenvolvido de forma personalizada para a Instituição de Ensino Superior (IES), situada no Estado do Paraná. Como principais resultados desta pesquisa, o modelo de SGQ mostrou-se adequado alinhando os princípios da Gestão da Qualidade Total e as dimensões dos Sinaes. Também foi possível, identificar as principais dificuldades para a implantação do SGQ. Para possíveis trabalhos futuros, sugere-se uma pesquisa implantando o mesmo sistema para avaliar a flexibilidade e adaptabilidade do modelo desenvolvido.
Mostrar mais

19 Ler mais

A produção acadêmica brasileira sobre gestão da qualidade: uma análise preliminar

A produção acadêmica brasileira sobre gestão da qualidade: uma análise preliminar

Por fim, pelo estudo realizado foi possível concluir que a temática da qualidade e/ou gestão da qualidade não pode ser considerada mais um modismo empresarial, pois já apresenta considerável quantidade e qualidade de trabalhos apresentados por pesquisadores de diversas áreas nos Encontros da ANPAD. Além disso, os estudos têm como foco principal analisar a qualidade da educação e, principalmente, a qualidade dos serviços prestados ou a qualidade percebida pelos clientes.

10 Ler mais

ECONOMIA COMPARTILHADA: GESTÃO DA QUALIDADE APLICADO A UMA EMPRESA DO RAMO DE DELIVERY DE COMIDA

ECONOMIA COMPARTILHADA: GESTÃO DA QUALIDADE APLICADO A UMA EMPRESA DO RAMO DE DELIVERY DE COMIDA

O presente artigo aborda a gestão da qualidade aplicado a negócios de economia compartilhada. Este novo modelo de economia tem apresentado crescimento exponencial nos últimos anos e estudar o desenvolvimento deste fenômeno se mostra de grande relevância para compreender suas tendências. Para esta pesquisa, aplicou-se os 14 pontos para a gestão que descrevem o caminho para a qualidade total, proposto por Deming em 1990. O objetivo deste artigo é apresentar o TQM como ferramenta eficaz de gestão da qualidade para ambientes de Economia Compartilhada. Por meio de pesquisa descritiva com ponderações exploratórias, de natureza qualitativa e estudo de caso realizado em uma consagrada empresa do meio, buscou-se identificar a percepção dos usuários e parceiros quanto aos serviços oferecidos pela plataforma. Os resultados da pesquisa apontam a importância do emprego de ferramentas de gestão da qualidade no modelo de negócio estudado, na busca da dinamização e melhoria dos serviços oferecidos.
Mostrar mais

10 Ler mais

Plano de envolvimento dos recursos humanos na gestão da qualidade: estudo de caso no setor calçadista / Plan for the involvement of human resources in quality management: a case study in the footwear industry

Plano de envolvimento dos recursos humanos na gestão da qualidade: estudo de caso no setor calçadista / Plan for the involvement of human resources in quality management: a case study in the footwear industry

A gestão de recursos humanos visa criar, manter e desenvolver um contingente de pessoas com habilidades, motivação e satisfação, para realizar os objetivos da organização, de modo que também haja espaço para que os colaboradores alcancem seus objetivos individuais. O setor de recursos humanos tem a responsabilidade de criar uma infraestrutura organizacional por meio da excelência nos produtos/serviços oferecidos e da eficiência dos processos administrativos (ÁVILA, 2015). Dessa forma, o conceito de eficiência na gestão de pessoas está intrinsecamente associado às práticas de gestão da qualidade, quando objetiva excelência na produção e nos processos.
Mostrar mais

13 Ler mais

UNIVERSIDADE TÉCNICA DE LISBOA INSTITUTO SUPERIOR DE ECONOMIA E GESTÃO MESTRADO EM CIÊNCIAS EMPRESARIAIS CONTRIBUTO DAS PRÁTICAS DE GESTÃO DA QUALIDADE PARA A SUSTENTABILIDADE DAS

UNIVERSIDADE TÉCNICA DE LISBOA INSTITUTO SUPERIOR DE ECONOMIA E GESTÃO MESTRADO EM CIÊNCIAS EMPRESARIAIS CONTRIBUTO DAS PRÁTICAS DE GESTÃO DA QUALIDADE PARA A SUSTENTABILIDADE DAS

As práticas de gestão da qualidade Exploitation foram operacionalizadas como um factor de segunda ordem constituído por quatro factores de primeira ordem, nomeadamente: focalização no cliente Exploitation (4 itens), que avalia se a empresa vai de encontro às necessidades, já conhecidas, dos seus clientes; gestão de processos Exploitation (3 itens), que avalia se a empresa se focaliza em aumentar o controlo e a consistência dos processos; trabalho em equipa Exploitation (3 itens), que mede em que medida a empresa incentiva os seus colaboradores dentro de determinada função a trabalhar em equipa e formação para a qualidade Exploitation (3 itens), que avalia em que medida as empresas se focalizam em desenvolver as competências necessárias para que os trabalhadores possam compreender os requisitos necessários para executar o seu trabalho e se tornarem mais eficientes na execução deste.
Mostrar mais

59 Ler mais

Conhecimentos para as práticas de gestão da qualidade em enfermagem dos alunos do curso de licenciatura em enfermagem

Conhecimentos para as práticas de gestão da qualidade em enfermagem dos alunos do curso de licenciatura em enfermagem

O estudo empírico teve como população os alunos do 4.º Ano do Curso de Licenciatura em Enfermagem da Escola Superior de Saúde de Leiria, sendo constituída uma amostra por conveniência (HILL & HILL, 2002) de 107 alunos representando 95% da população. Os dados foram colhidos através de um questionário que foi elaborado por não se ter encontrado nenhum para o efeito e tratados informaticamente recorrendo ao programa de tratamento estatístico Statistical Package for the Social Sciences (SPSS) – versão 14.0 para Windows. Dois conjuntos de questões do questionário, após validação, resultaram em duas escalas às quais foram atribuídas os seguintes nomes: Escala do Conhecimento para as Práticas de Gestão da Qualidade em Enfermagem (ECPGQE) e Escala de Práticas de Gestão da Qualidade em Enfermagem (EPGQE).
Mostrar mais

92 Ler mais

Gestão da qualidade no Brasil

Gestão da qualidade no Brasil

O presente relatório origina-se de projeto destinado a analisar a gestão da qualidade no setor de serviços nacional. A pesquisa foi conduzida através do envio de questionário, contendo 135 perguntas, a uma amostra, selecionada por conveniência, de empresas de grande, médio e pequeno portes do segmento de serviços. A sondagem cobre aspectos socioorganizacionais, técnico-tecnológicos e econômico- competitivos das indústrias. Foram avaliados os procedimentos usados na gestão da qualidade e os resultados obtidos. O trabalho insere-se numa pesquisa mundial sobre gestão da qualidade, coordenada pelo Prof. Gustavo Vargas da Universidade Estadual da Califórnia em Fullerton.
Mostrar mais

94 Ler mais

GESTÃO DA QUALIDADE EM RESTAURANTES

GESTÃO DA QUALIDADE EM RESTAURANTES

A qualidade no atendimento pode ser considerada um dos maiores diferenciais competitivo do mercado, pois, cliente satisfeito retorna, além, de divulgar o serviço para demais pessoas (FARIAS et al., 2010). Segundo Freitas (2005), para que seja alcançada a satisfação, as organizações devem observar e verificar o que os clientes procuram em uma instituição. Em muitos casos, os clientes não desejam apenas o serviço propriamente dito, mas um conjunto de outros serviços que são apresentados. Para que consiga proporcionar serviço de qualidade para seus clientes, alguns atributos devem ser considerados para satisfazer o consumidor, demonstrando diferentes formas de como a qualidade deve e pode aparecer no serviço oferecido. Segundo Las Casas (2008), esses atributos irão fazer a diferença nos Momentos da Verdade. São eles:
Mostrar mais

17 Ler mais

ASSOCIAÇÃO ENTRE AS BARREIRAS NA IMPLANTAÇÃO DE SISTEMAS DE GESTÃO DA QUALIDADE E OS PRINCÍPIOS DA QUALIDADE

ASSOCIAÇÃO ENTRE AS BARREIRAS NA IMPLANTAÇÃO DE SISTEMAS DE GESTÃO DA QUALIDADE E OS PRINCÍPIOS DA QUALIDADE

O entrevistado 1 relata que as barreiras relacionadas à recursos financeiros empregados em QMS, acontecem nas ocasiões em que o gestor tem dificuldade em visualizar melhorias ao longo da implantação. Para o entrevistado 2, o investimento é algo inerente ao QMS, é necessário aplicar recursos em treinamentos, capacitação e implantação de novas ferramentas. Com isso, entende-se que o princípio de melhoria pode contribuir na redução deste tipo de barreira, à medida que os gestores consigam perceber, através de indicadores quantitativos ou não, resultados positivos provenientes do QMS. Enquanto a análise de correspondência associou, de maneira mais forte, a barreira “gerenciamento de recursos humanos” ao princípio “melhoria”, a análise de conteúdo revelou indícios de associação desta barreira com o princípio “liderança”. A atribuição adequada de funções e gestão de pessoas por parte das lideranças é essencial para a obtenção do sucesso na implantação do QMS, especialmente, em um setor com grande quantidade de mão de obra empregada (entrevistado 1). Os autores citados no referencial teórico concordam com a análise de correspondência e relacionam as barreiras de recursos humanos ao princípio de melhoria (VOUZAS, 2007; HERAS-SAIZARBITORIA; CASADESUS; MARIMON, 2011; ZGODAVOVA; KISELA; SUTOOVA, 2016). A falta de avaliação baseada em risco, de acordo com a análise de correspondência, está associada ao princípio “tomada de decisões baseadas em evidências”. Segundo a análise de conteúdo, os entrevistados concordam com essa associação. O risco do fracasso da implantação é algo que deve ser tratado no planejamento estratégico da empresa, bem como estabelecer ações corretivas que compensem esses riscos. Assim, segundo Osman et al. (2016), se os resultados planejados não forem alcançados, as ações mitigadoras devem ser tomadas conforme apropriado. A ISO:9001 (2015) destaca que entre os principais benefícios da tomada de decisões baseadas em evidências está o aumento da capacidade de resolver desafios.
Mostrar mais

107 Ler mais

Da onda da gestão da qualidade a uma filosofia da qualidade da gestão: Balanced Scorecard promovendo mudanças.

Da onda da gestão da qualidade a uma filosofia da qualidade da gestão: Balanced Scorecard promovendo mudanças.

Hellard (1995) revisa os princípios vitais da Ges- tão pela Qualidade Total e fornece os seguintes con- ceitos: clientes são divididos em internos e exter- nos; satisfazer e exceder as necessidades dos cli- entes é o alvo claramente declarado; liderança pro- vém da alta administração e engloba tanto os indi- víduos como as equipes no mesmo compromisso; os mais altos níveis de integridade, honestidade e confiança são elementos essenciais; respeito, con- fiança e benefícios mútuos para todos os parceiros são fatores importantes dentro do desenvolvimento de uma organização voltada para Qualidade Total; Qualidade Total oferece a cada indivíduo a oportu- nidade de participar, contribuir, e desenvolver um sentimento de posse; envolve contínua e mensurável melhoria em todos os níveis da organi- zação; requer uma performance precisa e consis- tente para alcançar altos padrões em todas as áre- as da organização e um objetivo da Gestão pela Qualidade Total é melhorar o uso dos recursos para alcançar eficácia e eficiência.
Mostrar mais

16 Ler mais

A relação entre a gestão de recursos humanos e a gestão da qualidade

A relação entre a gestão de recursos humanos e a gestão da qualidade

Os entraves à mudança organizacional, um outro problema detetado, prendiamse, particularmente, com a desvalorização de inovações e a consequente não implementação das mesmas. Numa das organizações visitadas, os entraves emergiam especificamente contra os princípios da norma Hazard Analysis and Critical Control Point, ou, Análise de Perigos e Pontos Críticos de Controlo (HACCP). Esta constituí um requisito legal, em alinhamento com a diretiva europeia específica, e com os manuais da qualidade da Segurança Social (nível A). A sua adoção foi decisão da direção institucional, o mais elevado órgão na hierarquia da autoridade. O impacto destes entraves fez-se sentir nos mais diversos planos. No plano afetivo existia ausência de medo de sanções justificáveis e aplicáveis, pela quebra sistemática da conformidade dos procedimentos com os requisitos normativos. No plano cognitivo existia uma desvalorização da necessidade de os reconhecer. Finalmente, no plano comportamental, existia a reprodução de práticas antigas, inspiradas em modos autorregulados de atuação, que quase se confundiam com a natureza ocupacional do trabalho, com características profissionais do trabalho assentes na autonomia operacional.
Mostrar mais

98 Ler mais

UTILIZAÇÃO DA GESTÃO DE ESTOQUES PARA REDUÇÃO DE DESPERDÍCIOS EM UMA EMPRESA DO SETOR DE PANIFICAÇÃO

UTILIZAÇÃO DA GESTÃO DE ESTOQUES PARA REDUÇÃO DE DESPERDÍCIOS EM UMA EMPRESA DO SETOR DE PANIFICAÇÃO

Essa pesquisa ação em questão se justifica e é relevante em dois aspectos, o acadêmico e o empresarial. No aspecto acadêmico o mesmo é importante pois por se tratar de um trabalho de conclusão de curso e seguir uma metodologia baseada em referências atuais para um problema muito comum na maioria das organizações, que possuem um processo produtivo, será de grande valia para outros pesquisadores. Esses, que desejam obter soluções para problemas relacionados ao Lean Manufacturing, poderão encontrar suas soluções e poderão proporcionar técnicas mais eficazes para problemas parecidos, como no caso o desse que usa ferramentas da gestão da qualidade e de previsão de vendas.
Mostrar mais

65 Ler mais

Utilização do AHP para priorização das práticas de TQM na indústria farmacêutica

Utilização do AHP para priorização das práticas de TQM na indústria farmacêutica

Resumo: A Gestão pela Qualidade Total ou Total Quality Management (TQM) consiste em uma estratégia de gestão, que requer o envolvimento e comprometimento de toda organização, na melhoria contínua de produtos e processos, tendo como foco a satisfação do cliente. Este artigo destacou a importância de priorizar algumas práticas da Gestão da Qualidade Total na indústria farmacêutica, auxiliando na sua implantação. Foi utilizado o método de decisão multicriterial AHP (Analytic Hierarchy Process), o qual tem como função estruturar as práticas de TQM de forma hierarquizada. Assim foram avaliadas 17 práticas do TQM, divididas em três categorias (estratégicos, táticos e operacionais). Os resultados sugerem que a Gestão Estratégica foi o fator de maior importância, seguido pelos fatores táticos e operacionais. O presente trabalho atingiu seu objetivo de ajudar gestores do setor farmacêutico a se orientarem de forma eficaz para obter melhor desempenho das práticas do TQM e alcançar os objetivos desejados.
Mostrar mais

26 Ler mais

Rev. adm. empres.  vol.34 número4

Rev. adm. empres. vol.34 número4

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS, Nor- mas de Gestão da Qualidade e Garantia da Qualidade - Diretrizes para Seleção e Uso - NBR 19000, Rio de Janeiro, 1990; Sistemas de Qualidade[r]

10 Ler mais

Fig. 1: Trabalho em linha de montagem: Ford Modelo T, 1920

Fig. 1: Trabalho em linha de montagem: Ford Modelo T, 1920

O know-how estatístico necessário estava dispo - nível desde o início do século XX, mas na indús - tria só foi introduzido a partir de 1930. Em 1924 foram desenvolvidos métodos de acompanha- mento de processos e avaliação com base estatís - tica (cartas de controle, cartas para controle de processos). A partir das décadas de 1960 e 1970, a cres cente complexidade dos produtos e proces- sos de fabricação levou à maior integração da gestão da qualidade 1 nos processos de desenvol-

6 Ler mais

 Lígia Ribeiro

Lígia Ribeiro

Knop, P. et al (2004) referem que pesquisas no setor do desporto (Coopers & Lybrand, 1997; De Knop & Buisman, 1999; De Knop, De Martelaer, Theeboom, Van Puymbroeck, Wittock, e Wylleman, 1992; van Bottenburg, van t Hof & Oldenboom, 1997) revelam a necessidade de implementar a gestão da qualidade nas organizações desportivas, uma vez que este setor tem evoluído, tendo os seus clientes necessidades cada vez mais diferenciadas no mercado, o que torna a qualidade do serviço prestado como o fator de sucesso mais crítico para a organização. Ainda neste sentido, é cada vez mais apontada a necessidade de profissionalização das organizações desportivas. Assim, a implementação e certificação de um sistema de gestão da qualidade tendo por base o referencial normativo NP EN ISO 9001:2008 apresenta-se como uma oportunidade que os dirigentes de uma organização desportiva têm para poderem dinamizar e consolidar o período durante o qual lideram os destinos e projetos da organização, potenciando o efetivo cumprimento da sua missão e objetivos.
Mostrar mais

86 Ler mais

Gestão de qualidade no processo de carregamento e transporte da sacarose liquida / Quality management in the process of loading and transporting liquid sucharosis

Gestão de qualidade no processo de carregamento e transporte da sacarose liquida / Quality management in the process of loading and transporting liquid sucharosis

O presente artigo propõe avaliar a relevância da implantação de um Sistema de Gestão Integrado da Qualidade, garantindo um sistema de gestão eficaz que considere todos os prováveis perigos de todo processo de produção e maximize os resultados da fábrica. Revisados no conceito da qualidade, tendo como principais ferramentas (5W2H, Matriz GUT, Brainstorming e diagrama de causa e efeito). Aplicados de forma a exemplificar a importância do Sistema Integrado de Gestão da Qualidade e Segurança do Alimento e do uso das ferramentas dos programas de qualidade. Contudo, objetiva-se o estudo, a busca pela melhoria contínua do processo produtivo, visando a segurança e a satisfação dos clientes.
Mostrar mais

15 Ler mais

uma introdução  :: Brapci ::

uma introdução :: Brapci ::

A seguir apresentamos um breve histórico da gestão da qualidade, pois informações detalhadas podem ser facilmente encontradas na literatura. A busca pela qualidade e a consciência da necessidade de medir os resultados dos processos da organização, não são nenhuma novidade, desde o início do século XX até a década de 1920 empresas que seguiam os princípios tayloristas e fordistas já realizavam um tipo de controle de qualidade com o objetivo de detectar defeitos pós-produção. Na década de 1950, W. E. Deming e J. M. Juran implementaram o controle de qualidade visando compreender a causa dos defeitos e como deveriam ser controlados. No Japão pós-guerra Deming começou a adotar o ciclo PDCA 1 e disseminou o seu uso. O conceito de gestão da qualidade total, iniciado por W.E. Deming, em 1950, e por J.M. Juran, em 1954, foram divulgados para o mundo a partir da década de 80, dando ênfase aos seguintes aspectos: menos divisão do trabalho, maior diferenciação das atividades, maior conhecimento global dos objetivos da empresa, mais educação e mais participação. Na década de 1980, visando facilitar o comércio internacional, foi criada a norma ISO 9000, com o objetivo
Mostrar mais

23 Ler mais

Show all 10000 documents...