BALANÇO PATRIMONIAL DO PODER EXECUTIVO

No documento Processo TCE-RJ Nº /22 (páginas 107-111)

II. 5.5.2.2 QUADRO DAS CONTAS DE COMPENSAÇÃO

II.5.6 DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS DO PODER EXECUTIVO

II.5.6.4 BALANÇO PATRIMONIAL DO PODER EXECUTIVO

O Balanço Patrimonial do Poder Executivo, demonstrado de forma resumida, encontra-se assim constituído:

Tabela 46 - Balanço patrimonial resumido - Poder Executivo

R$mil

Ativo 2021 AV (%) 2020 AV (%)

Ativo Circulante 42.222.933 31,23% 31.167.573 24,89%

Ativo Não circulante 92.977.357 68,77% 94.070.355 75,11%

65 Peça 14, fls. 15 a 17 (Aspectos Relevantes das Demonstrações Contábeis).

108

Total do Ativo 135.200.290 100,00% 125.237.928 100,00%

Passivo 2021 AV (%) 2020 AV (%)

Passivo Circulante 59.576.010 22,86% 65.589.619 26,28%

Passivo Não circulante 201.026.017 77,14% 183.947.993 73,72%

Total do Passivo 260.602.027 100,00% 249.537.612 100,00%

Patrimônio Líquido -125.401.737 -92,75% -124.299.683 -99,25%

Total do Passivo e do Patrimônio Líquido 135.200.290 100,00% 125.237.928 100,00%

R$mil

Especificação 2021 2020

Ativo Financeiro 24.544.128 12.326.974

Ativo Permanente 110.656.162 112.910.954

Passivo Financeiro 13.934.478 17.372.426

Passivo Permanente 247.063.950 232.436.862

Saldo patrimonial -125.798.137 -124.571.360

Superávit/Déficit Financeiro 10.609.651 -5.045.452

R$mil

Compensações 2021 AV(%) 2020 AV(%)

Garantias e contragarantias recebidas

77 0,00% 77 0,00%

Direitos conveniados e outros

instrumentos congêneres 1.549.593 0,10% 1.508.747 0,10%

Total dos saldos dos atos potenciais

ativos 1.549.670 100,00% 1.508.824 100,00%

Garantias e contragarantias

concedidas 101.902 0,00% 95.408 0,00%

Obrigações contratuais 49.588.387 0,10% 48.183.859 0,10%

Total dos saldos dos atos potenciais

passivos 49.690.289 100,00% 48.279.266 100,00%

Fonte: Siafe-Rio e Peça 14, fl. 8.

Nota: Valores históricos.

AV – Análise Vertical – participação no total.

Com base nos valores enviados em sede de prestação de contas, o Corpo Instrutivo verificou uma inconsistência entre os montantes apresentados para Ativo Circulante e Resultado do Exercício em comparação àqueles extraídos no Balanço Patrimonial e na Demonstração das

109 Variações Patrimoniais do Siafe-Rio. Tendo em vista a baixa materialidade da divergência encontrada (R$ 406 mil), a análise será realizada a partir dos valores apresentados (peça 14).

Sobre os dados apresentados a instância técnica empreende o seguinte exame:

“Sendo assim, com base na tabela acima, verifica-se que o Ativo apresentou crescimento nominal de 7,95% (R$ 6,96 bilhões) em relação ao exercício anterior.

Apesar do grupo do Ativo Não Circulante possuir maior representatividade na classe do Ativo, a maior variação observada ocorreu no Ativo Circulante, que aumentou, nominalmente, 35,47% em relação ao exercício anterior. Nessa conjuntura, a conta Caixa e Equivalentes de Caixa figura-se como destaque, por revelar o maior acréscimo nominal (107,90%), indo de R$ 9,18 bilhões em 2020 para R$ 19,09 bilhões em 2021 (...).

A classe do Passivo, por sua vez, é composta majoritariamente por obrigações relacionadas ao Passivo Não Circulante. Observa-se, portanto, um incremento dessa categoria de 9,28%66 (R$ 17,08 bilhões) em relação ao exercício anterior, sendo esse aumento referente, principalmente, às Provisões de Longo Prazo (R$ 4,44 bilhões) e aos Resultados Diferidos (R$ 12,94 bilhões).

De acordo com as Notas Explicativas67 enviadas em sede de prestação de contas, o aumento das Provisões a Longo Prazo ocorreu em função da atualização das provisões matemáticas previdenciárias registradas pelo Rioprevidência. Já no caso dos Resultados Diferidos, a alta ocorreu pelo registro de Receitas de Concessões a Apropriar, cuja maior parcela é referente ao registro do valor da outorga da concessão dos serviços de saneamento da Companhia Estadual de Águas e Esgotos do Rio de Janeiro – Cedae.

Em paralelo, cumpre destacar que a conta de Empréstimos e Financiamentos segue representando a maior parcela do Passivo Não Circulante (72,76%), no entanto, apresentou decréscimo de R$ 1,34 bilhão no exercício de 2021.

Quanto à situação patrimonial líquida do Poder Executivo, cumpre registrar o lucro de R$ 5,25 bilhões em 2021 em comparação ao prejuízo de R$ 11,02 bilhões indicado no exercício anterior. Em que pese o resultado positivo no exercício, houve aumento do passivo a descoberto de R$ 1,10 bilhão, configurado, principalmente, pelo reconhecimento de Ajustes de Avaliação Patrimonial.”

Com base no demonstrativo encaminhado, o Poder Executivo do Estado do Rio de Janeiro apresentou superávit financeiro de R$ 10,61 bilhões em 2021. Tal resultado indica que o Ativo Financeiro apresentou uma diferença positiva em relação ao Passivo Financeiro, situação oposta ao déficit de R$ 5,05 bilhões apurado no exercício anterior.

66 Em valores nominais.

67 Peça 14, fls. 62 a 66 (Aspectos Relevantes das Demonstrações Contábeis).

110 Cabe registar que foi elaborado um anexo ao Balanço Patrimonial demonstrando o superávit/déficit financeiro apurado no Balanço Patrimonial do exercício68, em atendimento ao Manual de Contabilidade Aplicada ao Setor Público e ao que dispõem o art. 8º, parágrafo único, e o art. 50, ambos da Lei de Responsabilidade Fiscal.

O resultado apresentado no demonstrativo - superávit financeiro de R$ 10,61 bilhões - converge com o apurado no Quadro dos Ativos e Passivos Financeiros e Permanentes do Balanço Patrimonial, conforme abaixo demonstrado:

Tabela 47 - Quadro do superávit/déficit financeiro

R$mil

FONTES DE RECURSOS Exercício Atual

081 - Recursos Não Orçamentários - Depósitos de Diversas Origens -822.001

085 - Fonte Genérica 61.034

100 - Ordinários Provenientes de Impostos -9.221.483

101 - Ordinários Não Provenientes de Impostos 215.238

102 - Fundo Orçamentário Temporário -32.745

103 - Fundo Estadual de Investim e Ações de Segurança Pública e Desenv Social - FISED 324.908

104 - Compensação Financeira pela Exploração de Petróleo 2.513.194

105 - Salário Educação 680.698

107 - Transferências Constitucionais Provenientes de Impostos 134.117

108 - Receita Desvinculada Tesouro - EC 93/2016 ADCT - Artigo 76-A 108.925

111 - Operações de Crédito 1.491.852

120 - Ressarcimento de Pessoal 345.353

122 - Adicional do ICMS - FECP -914.689

126 - Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico - CIDE 6.588

132 - Taxas pelo Exercício do Poder de Polícia e por Serviços Públicos 37.332

133 - Alienação de Bens -48.765

140 - Recursos Oriundos de Leis ou Acordos Anticorrupção 567

145 - Recursos da Concessão de Serviço Público de Abastecimento de Água e Esgotamento

Sanitário - Tesouro 7.426.715

150 - Fundo Estadual de Habitação de Interesse Social - FEHIS 181.529

151 - Fundo Especial de Controle Ambiental - FECAM 458.530

188 - Repasses constitucionais aos municípios. -468

190 - Depósitos Judiciais Tributários 49.021

191 - Depósitos Judiciais Não Tributários 363.228

192 - Transferência proveniente de Auxílio Financeiro 21.997

193 - Bônus de Assinatura do Excedente da Cessão Onerosa 21.100

195 - Operações Oficiais de Fomento 3.209

196 - Auxílio Financeiro da União para Mitigação dos Efeitos Financeiros da Covid-19 367

198 - Auxílio Financeiro da União para Ações de Saúde - Covid-19 10.768

212 - Transferências Voluntárias 143.726

214 - Transferências do PAC 84.691

215 - Transferências do FUNDEB 117.922

218 - Transferências Intraorçamentárias 96.877

223 - Contratos Intraorçamentários Gestão de Saúde 7.694

224 - Transferências Legais Recebidas da União 341.405

225 - Sistema Único de Saúde- SUS 622.585

227 - Auxílio Financeiro da União para Ações Emergenciais ao Setor Cultural 17

230 - Recursos Próprios 1.838.078

231 - Recursos Próprios do Rioprevidência 1.380.932

68 Peça 14, fl. 9.

111

FONTES DE RECURSOS Exercício Atual

232 - Taxas pelo Exercício do Poder de Polícia e por Serviços Públicos 584.832

233 - Alienação de Bens 31.323

234 - Receita própria do Rioprevidência - Plano Previdenciário do RPPS 1.284.743

237 - Sistema de Proteção Social dos Militares 166.216

240 - Recursos Oriundos de Leis ou Acordos Anticorrupção 4.740

245 - Recursos da Concessão de Serviço Público de Abastecimento de Água e Esgoto Sanitário -

Outras Fontes 88.600

251 - Fundo Especial de Controle Ambiental - FECAM 5.084

297 - Conservação Ambiental 393.840

999 - A definir 225

Total das Fontes de Recursos 10.609.651

Fonte: Peça 14, fl. 9.

O resultado superavitário teve como principal influência a fonte de recursos referente à Concessão de Serviço Público de Abastecimento de Água e Esgoto Sanitário, receita considerada como extraordinária. É necessário destacar que o Governo do Estado do Rio de Janeiro possui expressivo déficit da Fonte 100 – Ordinário Proveniente de Impostos, no montante de R$ 9,22 bilhões.

II.5.6.5 DEMONSTRAÇÃO DAS VARIAÇÕES PATRIMONIAIS DO PODER

No documento Processo TCE-RJ Nº /22 (páginas 107-111)